Linguagem Libras Facebook Twitter Intagram YouTube Linkedin Site antigo
logomarca da FAPERJ
Compartilhar no FaceBook Tweetar Compartilhar no Linkedin Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Email Imprimir
Publicado em: 15/12/2023 | Atualizado em: 26/02/2024

CNE e JCNE: fomento à pesquisa com até 500 bolsas e R$ 50 milhões em investimentos

Por Ascom Faperj

Foram lançados simultaneamente nesta quinta-feira, dia 14 de dezembro, dois dos programas da Fundação mais aguardados pela comunidade científica fluminense: Cientista do Nosso Estado (CNE) e Jovem Cientista do Nosso Estado (JCNE). Também conhecidos como Bolsas de Bancada para Projetos (BBP), os editais de 2023 de ambos os programas concederão bolsas mensais, por até 36 meses, para que os pesquisadores possam executar seus projetos. No caso do Cientista do Nosso Estado, serão até 350 bolsas no valor de R$ 3 mil mensais; já para o Jovem Cientista do Nosso Estado serão até 150 bolsas mensais de R$ 2,4 mil.

Os dois editais somam um investimento de pouco mais de R$ 50 milhões para a C,T&I fluminense durante os próximos três anos. Devido a problemas técnicos ocorridos no servidor da Fundação entre os dias 23 e 24 de fevereiro, o prazo para submissão das propostas online foi prorrogado novamente, até as 23h59 de quinta-feira, dia 29 de fevereiro. A diretoria da FAPERJ solicita aos pesquisadores que verifiquem se a referida proposta permanece visível no campo reservado à submissão de projetos do sisFAPERJ. Ou, no caso de atualização de dados, se a nova informação foi incluída no respectivo campo. Caso a submissão, ou atualização, não esteja visível, será necessário repetir o procedimento. A medida visa garantir que a inscrição ou atualização tenha sido efetivada (Leia aqui o aviso na íntegra). 

Habitualmente lançados sempre no início do 2º semestre, a edição desse ano dos programas CNE e JCNE sofreu uma mudança de datas em virtude das prorrogações concedidas durante a pandemia de Covid-19. De acordo com o presidente da Fundação, Jerson Lima Silva, o pagamento das bolsas de bancada aos pesquisadores garantiu a sobrevivência da pesquisa e da inovação no estado nos últimos anos.  “Durante a pandemia, a FAPERJ garantiu que muitos centros e grupos de pesquisa continuassem existindo, e na época, a prorrogação das vigências dos Editais CNE e JCNE foi fundamental”, concluiu Lima.

Segundo a diretora Científica da FAPERJ, Eliete Bouskela, esses programas são referência no apoio a projetos coordenados por pesquisadores de reconhecida liderança em sua área, vinculados a instituições de ensino e pesquisa sediadas no estado do Rio de Janeiro. “A garantia da FAPERJ em sempre lançar o CNE e o JCNE possibilita a continuidade da pesquisa fluminense e estimula que nossos pesquisadores permaneçam no estado”, ressaltou.

Consulte nos links abaixo a íntegra dos editais:

Edital FAPERJ Nº 20/2023 – Programa Cientista do Nosso Estado

Edital FAPERJ Nº 21/2023 – Programa Jovem Cientista do Nosso Estado

Topo da página