O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Editoração Científica apresenta novos livros
Publicado em: 29/05/2003

Editoração Científica apresenta novos livros

Mais um livro que conta com apoio do Programa de Editoração Científica da FAPERJ chegará às livrarias em breve. Dia 30 de maio foi lançado “A cidade da informalidade: O desafio das cidades latino-americanas”, uma coletânea com textos de diversos pesquisadores, organizada pelo Professor Pedro Abramo, do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IPPUR-UFRJ).

 

Durante o lançamento do livro foi realizado um debate sobre o tema “Informalidade Urbana na América Latina”, que contou com a presença de alguns dos autores da obra, como os professores Emílio Duhau, da UAM, México; Cristina Cravino, da Universidade General Sarmiento, de Buenos Aires; Martim Smolka, do Lincoln Institute; e Alex Abiki, da Politécnica da USP. O encontro, aberto ao público, foi realizado, na sexta-feira (30/05), às 19 horas, no Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB).

 

Publicada pela Editora Sette Letras, com apoio do Programa de Editoração da FAPERJ, “A cidade da informalidade: O desafio das cidades latino-americanas” reúne trabalhos apresentados em um seminário internacional promovido, em abril de 2002, pelo Observatório Imobiliário e de Políticas do Solo do IPPUR-UFRJ, a Prefeitura do Rio, e o Lincoln Institute of Land Police. 

 

A obra conta com textos de pesquisadores latino-americanos de horizontes disciplinares distintos, que procuram dar uma visão abrangente dos problemas da informalidade urbana vinculados ao acesso à terra nas grandes cidades da América Latina.

 

Uma parte significativa do solo urbano das grandes cidades latino-americanas foi ocupada segundo a lógica da necessidade, ou seja, motivada pela condição de pobreza e pela incapacidade de suprir uma necessidade básica a partir de recursos monetários que permitiriam o acesso ao mercado. Nesses casos, a possibilidade de acesso ao bem terra urbana está diretamente vinculada a uma decisão de participar de uma ação coletiva, conhecida por ocupações urbanas de terrenos e/ou imóveis. Um processo que envolve eventuais custos políticos e jurídicos.

 

O livro está dividido em quatro partes. A primeira apresenta uma visão geral do problema da informalidade urbana no Brasil, México e Argentina. A segunda parte da coletânea, intitulada “O desafio das políticas de regularização na América Latina” aponta a complexidade dos processos de regularização e serve como um alerta sobre as potencialidades sociais dos processos massivos de regularização fundiária.

 

Na seção seguinte, “Dimensões econômicas da/na favela”, foram reunidos trabalhos que introduzem alguns aspectos econômicos no debate sobre a relação entre a informalidade urbana e o uso do solo. Já a parte final apresenta três projetos de administrações municipais, no Rio de Janeiro, Porto Alegre e Santo André, onde foram formuladas políticas locais para enfrentar a chamada cidade da informalidade.

 

 

Outro livro editado em parceria com a FAPERJ será apresentado nos próximos dias. Trata-se de “Fotografia e viagem”, de Antonio Pacca Fatorelli, publicado pela Relume Dumará. O lançamento será dia 10 de junho, durante o evento FOTORIO.

 

 

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes