O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Editorial
Publicado em: 26/08/2002

Editorial

Editorial

O ano 2000 vai chegando ao fim e, certamente, deixará na comunidade científica do Rio de Janeiro, bem como em toda a sociedade fluminense, motivos significativos para dele lembrarem-se com satisfação. Não pretendo aqui fazer uma avaliação saudosista, pois o ano 2000 não deve ser lembrado tão somente como o último do milênio que encerrar-se-á em breve, mas, sobretudo, como um ano no qual demos passos decisivos em direção ao futuro.

Um exemplo que demonstra com clareza o compromisso do Governo do Estado do Rio de Janeiro em relação ao futuro do setor de Ciência e Tecnologia foi o lançamento do Programa Genoma do Estado do Rio de Janeiro, o RioGene, em marcante cerimônia na Fundação Oswaldo Cruz. Além de concretizar o trabalho desenvolvido desde meados da década de oitenta por pesquisadores de instituições fluminenses, o Programa Genoma ajudará a formar uma rede de laboratórios com tecnologia de ponta, que muito irá contribuir para a prosperidade do Rio de Janeiro nos próximos anos.

Só o impacto econômico do Programa, que poderá gerar uma vultuosa economia em nível nacional, é, por si só, motivo de satisfação. Entretanto, os reflexos do RioGene são mais amplos e vale destacar a sua contribuição para a formação de recursos humanos nas áreas de Genômica e Bioinformática, o que deixará o Rio de Janeiro no mesmo patamar dos grandes centros de pesquisa. Para isso, nos próximos meses, faremos novos repasses de recursos para que as instituições envolvidas possam dar continuidade a suas atividades.

Inegavelmente, o ano 2000 foi de comemorações. Nele foram comemorados os 100 anos da Fundação Oswaldo Cruz; os 80, da Universidade Federal do Rio de Janeiro; os 60, da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; o cinqüentenário da Universidade do Estado do Rio de Janeiro; os 20 anos do Laboratório Nacional de Computação Científica e, finalmente, os 20 anos da FAPERJ.

Não poderia ter sido melhor o contexto dentro do qual nossa Fundação completou duas décadas de atividades. O ano marcou uma nova fase e refletiu o compromisso do Governo Anthony Garotinho em soerguer o setor de Ciência e Tecnologia fluminense e em resgatar o verdadeiro papel da FAPERJ, dando a ela condições de honrar compromissos assumidos e de implantar uma nova filosofia de fomento à pesquisa.

Chegamos ao fim do ano festejando a entrada nessa nova fase e reafirmando nossos compromissos. A toda a comunidade científica, um feliz Natal e votos de um novo ano de sucesso e realizações.

Antonio Celso Alves Pereira
Diretor-Superintendente da FAPERJ

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes