O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Auxílios > Auxílio à Pesquisa -– APQ 1
09/04/2015

Auxílio à Pesquisa -– APQ 1

Finalidade

Destina-se a apoiar o desenvolvimento de projetos de pesquisa conduzidos por pesquisador com qualificação adequada (grau de doutor ou equivalente). Os recursos poderão ser aplicados em despesas de capital e custeio essenciais à realização do projeto, de acordo com classificador de receita e despesa do Estado do Rio de Janeiro, disponível no site: www.planejamento.rj.gov.br


Critérios de seleção

Serão considerados na avaliação da proposta:

  1. Mérito técnico-científico, inovação, originalidade, definição dos objetivos e a sua adesão aos termos desta modalidade de auxílio;
  2. Qualificação do proponente (em relação às atividades previstas para a execução do projeto, quanto à qualidade e regularidade da produção científica/tecnológica divulgada em veículos qualificados e sua contribuição para formação de recursos humanos nos últimos cinco anos);
  3. Adequação do método do projeto ao(s) objetivo(s) proposto(s);
  4. Aplicabilidade e relevância para o desenvolvimento científico, tecnológico, econômico, ambiental e social das diferentes regiões do Estado do Rio de Janeiro;
  5. Adequação do orçamento aos objetivos, atividades e metas propostas;
  6. Adesão aos termos desta modalidade de auxílio.

 

Observações gerais

  1. Serão rejeitadas as propostas de pesquisadores (coordenador ou pesquisadores associados) com pendências  ou  inadimplências junto a FAPERJ.
  2. A análise da proposta de APQ1 recai exclusivamente em seu Coordenador, que deve ser pesquisador doutor com vínculo empregatício permanente em instituição de ensino e/ou pesquisa do Estado do Rio de Janeiro. Pós-doutorandos não se enquadram nesta categoria. Cientistas do Nosso Estado e Jovens Cientistas do Nosso Estado não podem concorrer ao APQ1 enquanto suas bolsas de bancada estiverem vigentes.
  3. O APQ1 é uma modalidade de apoio a projetos individuais. A inclusão de nomes de pesquisadores da mesma instituição do proponente ou mesmo de outras instituições não influencia na avaliação da proposta, pois o foco do processo seletivo se dará primordialmente no projeto apresentado e no CV atualizado do coordenador proponente.
  4. Passagens e diárias serão concedidas unicamente para trabalho de campo, que devem ser, caso solicitadas, detalhados na proposta. Passagens internacionais não podem ser solicitadas. Essa modalidade também não aceita pedidos de passagens e diárias para discussão de resultados científicos ou participação em eventos.
  5. A distribuição das rubricas é livre e deve atender às metas do projeto. Orçamentos elevados e/ou que não estejam em consonância com os objetivos do projeto de pesquisa podem ocasionar a desclassificação do projeto, em função das baixas notas atribuídas neste item. Equipamentos e materiais permanentes devem ter suas respectivas propostas orçamentárias anexadas (em caso de equipamentos de baixo custo, são aceitas cotações obtidas em websites).
  6. As aprovações dos conselhos de ética em experimentos com animais e humanos devem ser anexadas na submissão. Sem esse item o projeto será desclassificado antes da avaliação.
  7. Após o envio da submissão da proposta no sisFAPERJ ou após o encerramento do prazo da chamada APQ1 não é possível anexar, modificar ou enviar por e-mail qualquer documento ou informação complementar. Antes do envio, porém, a proposta pode ser salva, os campos podem ser revistos e os documentos podem ser trocados a qualquer momento.
  8. Quem tem APQ1 vigente sem a entrega de prestação de conta e apresentação de relatório técnico não pode fazer nova solicitação. A proibição vale também para quem tem agendamento com a auditoria, pois o processo só se encerra com a entrega da prestação de contas.
  9. O resultado é divulgado apenas pela página da FAPERJ, a partir da data prevista no calendário da Fundação. Não é necessário entregar qualquer documentação impressa. Caso o projeto seja contemplado, o pesquisador deverá aguardar a convocação da FAPERJ para retirada dos documentos relativos à outorga do auxílio.
  10. O Relatório Técnico final do APQ1 tem que seguir OBRIGATORIAMENTE o modelo da FAPERJ (ANEXO 1) e deve conter todas as informações pertinentes à execução das metas propostas no projeto, endereçado ao Diretor Científico e entregue no protocolo da FAPERJ na forma impressa e em CD-ROM.
  11. Os valores praticados por cada chamada de APQ1 podem ser conhecidos mediante consulta pelo canal eletrônico http://www.faperj.br/email.phtml?to=APQ1.


Modo de inscrição

O solicitante deverá acessar o sistema sisFAPERJ para fazer o pedido on-line. As instruções detalhadas para este procedimento encontram-se no final deste documento (Fases 1 e 2 dos Procedimentos Gerais para Solicitação de Bolsas e Auxílios pelo sistema sisFAPERJ). A solicitação somente será aceita mediante este procedimento inicial.

Para esta modalidade, devem ser preenchidos todos os campos das abas do formulário on-line. Projetos apresentados fora destas especificações não serão aceitos.


Procedimentos para inscrição

O solicitante deverá acessar o sistema sisFAPERJ para fazer o pedido on-line. As instruções detalhadas para este procedimento encontram-se no final deste documento (Fases 1, 2, 3 e 4 dos Procedimentos Gerais para Solicitação de Bolsas e Auxílios pelo sistema sisFAPERJ). A solicitação somente será aceita mediante este procedimento inicial.

O preenchimento do formulário on-line no sistema sisFAPERJ e a submissão do projeto deverão ser realizadas pelo proponente do projeto (com login e senha próprios);

A inscrição se dará em duas fases:

Fase 1: Cadastramento ou atualização do cadastro on-line do proponente do projeto.

1º Acessar https://sisfaperj.faperj.br/sisfaperj/ (login = o seu CPF); 2º Clicar em "Meu Cadastro"; 3º Clicar em “GRAVAR” para concluir o processo de cadastro e obter o número de matrícula na FAPERJ.

Observação: Para anexar o link do CV LATTES no "MEU CADASTRO", consulte: http://www.faperj.br/downloads/formularios/CVLATTES_SisFaperj.pdf

Fase 2: Preenchimento do formulário on-line.

Dentro do sistema sisFAPERJ, seguir os seguintes passos (o solicitante poderá salvar o seu preenchimento quantas vezes for necessário e acessá-lo novamente a partir do menu "Meu sisFAPERJ"): Acessar o menu "Meu sisFAPERJ"; Selecionar a linha do correspondente à chamada do APQ1; Clicar em "Solicitar fomento" logo acima da lista de edições abertas; Aceitar os termos de contrato; Clicar em "prosseguir".

Atenção: Para esta modalidade, os tipos de proponente elegíveis são: Pesquisador; Cientista do Nosso Estado e Jovem Cientista do Nosso Estado. Outras modalidades de proponente não serão aceitas pelo sistema.

  1. Projeto

A proposta deverá ser apresentada sob a forma de projeto, que deverá ser inserido nos seguintes campos da aba “DADOS GERAIS”: título, resumo estruturado para divulgação, introdução, objetivos, justificativa, metas, método, resultados esperados, referências bibliográficas, orçamento detalhado, com justificativa dos itens solicitados à FAPERJ e em quais etapas do projeto serão utilizados, resultados esperados, referências bibliográficas, datas de início e fim do projeto (previsão para 12 meses de execução), especialidades de palavras-chave;

  1. Orçamento

Os itens orçamentários solicitados devem ser inseridos nas abas “ORÇAMENTOS DETALHADO DE CUSTEIO” e “ORÇAMENTO DETALHADO DE CAPITAL”. Para a aquisição de peças, equipamentos e cotação de materiais permanentes ou módulos para equipamentos, deverão ser anexadas propostas orçamentárias das firmas (proform invoice, em caso de companhia estrangeira); obras, serviços em equipamentos e contratos de manutenção corretiva ou preventiva também deverão ter as suas propostas de orçamento incluídas no projeto, quando houver previsão destes itens;

  1. Os documentos a serem anexados, quando solicitados na aba correspondente, são:
    1. Curriculum vitaeno formato Lattes completo do solicitante, com indicadores de produção – CNPq (em formato *.pdf, *.doc, *.docx ou *.rtf).
    2. Documento de aprovação/submissão do projeto a Comitê de Ética em Pesquisa, quando se tratar de estudos envolvendo seres humanos ou animais. Caso não se aplique à proposta, basta anexar documento word, comum, escrito ‘não se aplica (N/A)’.
  1. Cronograma

Na aba “CRONOGRAMA” deve ser inserida uma planilha com a previsão de execução do projeto para 12 meses. No modelo disponível nesta aba, preencher apenas o “Ano 1”.

Preenchidos todos os campos e anexados todos os documentos, o solicitante deverá seguir até a aba ‘Histórico’, escolher a opção ‘Enviar para a Faperj’, e, em seguida, clicar no botão “Exec” (executar). Feito isso, o status do pedido no Sisfaperj deverá estar “Em Verificação”, o que garante que o pedido foi devidamente enviado e recebido pela FAPERJ. Caso o projeto seja concedido, o pesquisador deve aguardar a convocação da FAPERJ para retirada dos documentos relativos à outorga.

Dúvidas e esclarecimentos

Dúvidas e esclarecimentos sobre o programa APQ 1 deverão ser enviados única e exclusivamente por meio do canal eletrônico http://www.faperj.br/email.phtml?to=APQ1

Recursos

Eventual recurso aos resultados divulgados deverá ser única e exclusivamente submetido à FAPERJ, por meio do canal eletrônico http://www.faperj.br/email.phtml?to=APQ1 até 07 (sete) dias úteis após a notificação do resultado divulgado no site da FAPERJ; nesse caso, nenhum novo documento ou fato poderá ser incluído no recurso, cabendo à diretoria da FAPERJ o julgamento da solicitação.

O canal eletrônico de comunicação APQ 1 deve ser utilizado apenas para projetos em submissão ou para recursos a resultados. Para projetos aprovados e/ou em execução utlize o canal apropriado como, por exemplo Auditoria e DAB (Departamento de Auxílios e Bolsas)

 

O CANAL ELETRÔNICO DE COMUNICAÇÃO APQ 1 DEVE SER UTILIZADO APENAS PARA PROJETOS EM SUBMISSÃO OU PARA RECURSOS A RESULTADOS. PARA PROJETOS APROVADOS E/OU EM EXECUÇÃO UTLIZE O CANAL APROPRIADO COMO, POR EXEMPLO AUDITORIA E DAB (Departamento de Auxílios e Bolsas)

 

Antes de encaminhar sua dúvida, verifique, na página da FAPERJ, a seção de perguntas frequentes: FAQ


Atenção

As informações dispostas nesta página referem-se a uma única seção do Manual de Auxílios e Bolsas da FAPERJ.  Para saber sobre finalidades, requisitos e condições, duração, procedimentos para inscrição, para a modalidade pretendida, dentre outras informações, consulte a versão integral do Manual de Auxílios e Bolsas da FAPERJ clicando aqui ou nos links abaixo.


Links importantes:

 

Relatório final de projetos da FAPERJ

Perguntas Frequentes

Valores de diárias de projetos

Manual de Auxílios e Bolsas (.pdf)

Auxílios (Informações gerais)

Download – Manual de utilização do SisFAPERJ”  (.pdf)

Instruções para prestação de contas de auxílios 

Calendário para solicitação de bolsas e auxílios

Índice geral das áreas do conhecimento

  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Fale conosco | Créditos | FAQ