O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Comunidade acadêmica manifesta pesar pelo falecimento de Bodo Wanke
Publicado em: 23/07/2021

Comunidade acadêmica manifesta pesar pelo falecimento de Bodo Wanke

A  FAPERJ se une à comunidade acadêmica para manifestar pesar pelo falecimento do médico Bodo Wanke, pesquisador emérito da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e professor titular do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas (INI), que faleceu no Rio nesta quinta-feira, aos 80 anos, vítima da Covid-19. Ele deixa a esposa Márcia Lazera, também renomada pesquisadora do INI, e dois filhos, Bruna e Peter. Coordenador do Laboratório de Referência Nacional para Micoses Sistêmicas (CGLAB/SVS/MS) e diretor do INI no período de 1994 a 1997, ele se graduou em Medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde se especializou e obteve o título de médico e Doutor em Doenças Infecciosas e Parasitárias. Foi bolsista da Deutscher Akademischer Austauschdienst, DAAD, Alemanha. Especializou-se em Micologia Médica na Universität Freiburg, UNI FREIBURG, Alemanha e em Medicina Tropical e Parasitologia Médica no Bernha na Universität Hamburg, UH, Alemanha.

Ele se integrou ao Instituto Oswaldo Cruz/Fiocruz em 1980 e, em1986, transferiu-se para o Hospital Evandro Chagas (HEC), hoje Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas/Fiocruz, onde criou o Laboratório de Micologia Médica e desenvolveu toda a sua brilhante carreira de pesquisador e professor, que alcançou amplo reconhecimento nacional e internacional. Sob a sua liderança o laboratório de Micologia do INI/Fiocruz tornou-se um Laboratório de Referência Nacional e que desempenha papel estratégico no Sistema Único de Saúde, no diagnóstico de micoses profundas, desenvolvimento de técnicas inovadoras de diagnóstico e capacitação de profissionais de todo o País.

Membro Honorário Nacional da Academia Nacional de Medicina (ANM) e da Sociedade Internacional de Micologia Humana e Animal (International Society for Human and Animal Micology – ISHAM), o professor Bodo Wanke teve como foco principal das suas pesquisas as micoses sistêmicas (Paracoccidioidomicose, Histoplasmose, Coccidioidomicose e Criptococose) e oportunísticas (Candidíase, Aspergiloses, Mucormicose, Hialohifomicose e Feohifomicose) e seus respectivos agentes. No estudo destas micoses trabalhou direcionado para a Ecoepidemiologia das micoses e de seus respectivos agentes; diagnóstico clínico e laboratorial, tratamento específico e inespecífico e vigilância.
Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes