O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Ferramenta desenvolvida por bolsistas da FAPERJ traduz expressões jurídicas do inglês
Publicado em: 14/01/2021

Ferramenta desenvolvida por bolsistas da FAPERJ traduz expressões jurídicas do inglês

Débora Motta

Bolsista de IT da FAPERJ, Renan Pimentel foi selecionado para
fazer intercâmbio na Universidade de Harvard (Foto: Divulgação)

Data venia, dura lex sed lex. O mundo do Direito é permeado por uma linguagem técnica própria, conhecida popularmente como o “juridiquês”. Quando há a necessidade de traduzir as expressões linguísticas do Direito de outros países para o Direito brasileiro, então, essa comunicação pode ser ainda mais difícil, diante das especificidades dos idiomas e dos diferentes ordenamentos jurídicos e ritos processuais das nações. Com o objetivo de facilitar a comunicação dos operadores do Direito no âmbito internacional, um projeto idealizado por um bolsista de Iniciação Tecnológica (IT) da FAPERJ propõe uma ferramenta virtual para tradução de termos jurídicos, do inglês, a língua dos negócios, para o português: a JuridKeys.

Aluno do 8º período do curso de Direito da Universidade Federal Fluminense (UFF), o jovem Renan Said de Barros Pimentel, de 23 anos, é bolsista da FAPERJ desde abril de 2020. Ele trabalha sob a orientação do professor de Direito Processual Rafael Mario Iorio Filho, que coordena, junto com a professora Fernanda Duarte, o projeto, no âmbito dos estudos do Núcleo de Pesquisa e Extensão sobre Ciências do Poder Judiciário (Nupej). Uma das linhas de pesquisa do grupo é Culturas Jurídicas Comparadas Brasil-Estados Unidos. “A conquista de Renan demonstra a excelência da UFF e do seu curso de Direito, com pesquisas que geram impacto social e soluções inovadoras para a sociedade. Também reafirma a importância de programas de fomento à Iniciação Científica (IC) e Tecnológica (IT), como a bolsa de IT da FAPERJ. Metade dos doutores no Brasil participou, no início de suas carreiras, de programas de Iniciação Tecnológica ou Cientifica. Eles despertam nos jovens o amor e o ethos pela ciência e formam os doutores do amanhã”, destacou o professor Iorio.

O empenho de Renan no projeto foi um fator determinante para a sua recente aprovação como aluno intercambista da Universidade de Harvard, no programa Visiting Undergraduating Students (VUS). “O programa permite que os selecionados estudem no Harvard College com acesso a todo o seu capital intelectual, como um aluno regular. Ser bolsista de Iniciação Tecnológica da FAPERJ foi fundamental para eu conseguir essa bolsa, em novembro de 2020. Tive cartas de recomendação do professor Iorio e da professora Fernanda Duarte, responsável pela disciplina Direito americano na UFF”, disse. O curso será ministrado de janeiro a maio, com aulas remotas, devido à pandemia causada pelo novo coronavírus.

A ideia de criar a Juridkeys surgiu após a realização de outro intercâmbio de Renan, de curta duração, realizado anteriormente em Boston, nos Estados Unidos. “Depois que voltei de Boston, fiquei encantado com outras culturas e com muita vontade de trazer a cultura jurídica de outros países para o Brasil. Me interessei em traduzir termos jurídicos do inglês dos Estados Unidos porque as empresas e os escritórios exigem dos advogados fluência nesse idioma, mas nem sempre é simples traduzir essa linguagem técnica. Há poucos materiais disponíveis com essas informações. Faltava uma plataforma de tradução facilitada para os profissionais do Direito, e para isso não basta só fazer a tradução literal, tem que saber a cultura jurídica do país para contextualizar corretamente”, explicou Pimentel, que faz estágio em um grande escritório jurídico do Rio, na área de Direito Tributário.

Morador do município fluminense de Rio Bonito, localizado a aproximadamente 74 quilômetros da capital, ele fazia esse deslocamento diário no início da graduação. “Em Rio Bonito, não há centro universitário. A prefeitura oferece transporte para trazer os jovens de lá para o Rio e Niterói”, recordou. Bom aluno, ele já havia participado do programa de intercâmbio entre a UFF e a Universidade Lumière Lyon 2, em Lyon, na França, onde cursou entre 2018 e 2019, um semestre acadêmico de Direito Francês. Em 2019, foi selecionado pelo programa de Estágio-Visita da Câmara dos Deputados, em Brasília. Também criou um curso de redação para ensinar a outros jovens de sua cidade a prática da escrita voltada para o Enem.

Atualmente, a ferramenta @juridkeys possui mais de mil seguidores nas redes sociais, como no Instagram. “Nos próximos meses, vamos criar a base intelectual para as traduções, e disponibilizar esse conteúdo para o uso na plataforma. Nossa proposta é criar um site para o projeto, com uma plataforma de livre acesso e uma área exclusiva para assinantes, com conteúdo mais robusto. A ideia é reunir, em um só lugar, subsídios para ler um artigo em inglês, redigir uma petição, um contrato, um relatório ou até falar com um cliente internacional”, adiantou. O projeto conta com a participação dos alunos da graduação em Direito da UFF Luiza Nabuco, também bolsista de IT da FAPERJ, João Inácio Goulart, Evelyn Roboredo e Luisa Silveira.

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes