O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Notas - Semana de 30 de julho a 5 de agosto de 2020
Publicado em: 30/07/2020

Notas - Semana de 30 de julho a 5 de agosto de 2020

FAPERJ e AGERIO divulgam resultado final do programa InovAÇÃO RIO
O resultado final do Programa de Apoio à Inovação em Micro, Pequenas e Médias Empresas no Estado do RJ: InovAÇÃO RIO foi anunciado nesta quinta-feira, dia 30 de julho, pela FAPERJ e a AgeRio – Agência de Fomento do Estado do Rio de Janeiro. De um total de 246 propostas recebidas, foram aprovadas 27, após as etapas preliminares de avaliação de conformidade, de mérito e de apresentação dos documentos exigidos. O resultado preliminar já havia sido divulgado em 18 de junho. Mais informações: http://www.faperj.br/?id=4033.2.8

Confap, CNPq e MCTI lançam Chamada do Programa de Pesquisa Ecológica de Longa Duração – PELD
O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), no conjunto de suas Fundações, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) tornam pública a Chamada do Programa de Pesquisa Ecológica de Longa Duração (Peld), com o objetivo de selecionar propostas para apoio financeiro a projetos de sítios de pesquisa ecológica de longa duração em ecossistemas brasileiros,  e que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do País. As propostas podem ser submetidas até o dia 14 de setembro pela Plataforma Integrada Carlos Chagas e devem observar as condições específicas estabelecidas na Chamada Pública referentes aos requisitos relativos ao proponente, cronograma, recursos financeiros a serem aplicados nas propostas aprovadas, origem dos recursos, itens financiáveis, prazo para execução dos projetos, critérios de elegibilidade, critérios e parâmetros objetivos de julgamento e demais informações necessárias. As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global de R$ 15 milhões, sendo R$ 14 milhões oriundos do orçamento do CNPq e R$ 1 milhão oriundos do orçamento do MCTI, a serem liberados de acordo com a disponibilidade orçamentária e financeira do CNPq. Quanto aos recursos federais, as propostas de sítio de pesquisa PELD poderão solicitar o valor máximo de financiamento de R$ 500 mil. Desse valor, até R$ 100 mil poderão ser solicitados em custeio e até R$ 400 mil em bolsas. Mais informações: https://bit.ly/2Xeg85k

Instituto de Química da Uerj recebe doações para produção de álcool na pandemia
Somando esforços para o combate à pandemia causada pelo novo coronavírus, uma equipe coordenada pelo Instituto de Química da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IQ/Uerj) está produzindo álcool. Até o momento, já foram produzidos mais de 3 mil litros de álcool 70% e álcool glicerinado, destinados ao Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe), à Policlínica Piquet Carneiro (PPC) e para setores da Universidade que precisam manter o serviço presencial. O trabalho, que começou com os materiais disponíveis na unidade, vem sendo possível graças às doações de insumos e galões de água vazios, bem como compras realizadas pela instituição (veja a lista de doações recebidas). A próxima etapa do projeto tem como meta disponibilizar álcool glicerinado em locais estratégicos da universidade (em dispensadores) e álcool 70% para o setor de limpeza. Além disso, a intenção é também distribuir o produto em locais carentes. Para tanto, serão necessários frascos de 200 mL aproximadamente (borrifadores, dispensadores ou dosadores). Interessados podem contribuir com a doação de frascos de 200 mL (borrifadores, dispensadores ou dosadores). Os recipientes devem ser entregues na portaria do Pavilhão Haroldo Lisboa da Cunha (Haroldinho), no campus Maracanã, das 9h às 17h, aos cuidados do professor Jefferson Gois. Mais informações: www.uerj.br

Fiocruz firma parcerias para desenvolvimento e produção de antiretrovirais para o SUS
A farmacêutica britânica GSK, a ViiV Healthcare – empresa dedicada exclusivamente a tratamentos para o HIV – e o Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos/Fiocruz) firmaram parceria para desenvolvimento e produção de antirretrovirais no Brasil. Denominada Aliança Estratégica de longo prazo, a cooperação, assinada em 14 de julho, tem como objetivo melhorar a capacidade nacional de produção de medicamentos para o tratamento de pessoas que vivem com HIV. O projeto prevê a colaboração para fabricação local de uma combinação de Dolutegravir 50 mg e Lamivudina 300 mg em dose única diária. A tecnologia será transferida da ViiV Healthcare – detentora da propriedade intelectual – para Farmanguinhos em fases. A primeira consiste na absorção tecnológica e know-how para a fabricação de Dolutegravir 50mg, um dos mais modernos antirretrovirais utilizado no tratamento de HIV no mundo. No Brasil, o medicamento foi introduzido no Sistema Único de Saúde (SUS) em 2016 e, atualmente, é distribuído a mais de 300 mil pacientes, o que representa cerca de metade das pessoas em tratamento contra o HIV atendidas pelo SUS. A ViiV Healthcare ainda irá colaborar com Farmanguinhos para desenvolver localmente uma formulação de dose única diária a partir da combinação de Dolutegravir 50mg e Lamivudina 300mg – ainda não disponível no País. É a primeira vez que um tratamento antirretroviral ainda não comercializado no Brasil é objeto de uma aliança estratégica entre uma companhia multinacional e um laboratório público brasileiro. Mais informações: www.fiocruz.gov.br

Alunos da Coppe e do Cefet conquistam bicampeonato na maratona Invent for the Planet
Os alunos do Instituto de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ) e do Centro Federal de Educação Tecnológica do Rio de Janeiro (Cefet-RJ) venceram a maratona mundial de inovação Invent for the Planet, pelo segundo ano consecutivo. O resultado foi divulgado na terça-feira, 28 de julho, pela Texas A&M University (EUA), responsável pela final do campeonato.  A equipe brasileira, formada por Larissa Fonseca e Dimitri Costa, alunos de doutorado em Engenharia Mecânica da Coppe, e Samuel Breves e João Lucas, alunos de graduação de Engenharia de Produção e Engenharia Mecânica do Cefet, conquistou a edição 2020 do desafio com um sistema de filtragem de microplásticos na saída de água das residências. Sob coordenação dos Marcelo Savi, da Coppe e da Escola Politécnica (Poli/UFRJ), e Pedro Pacheco, do Cefet-RJ, os alunos desenvolveram um filtro que captura as pequenas partículas de plásticos presentes na água liberada pelas máquinas de lavar, algumas delas menores que a espessura de um fio de cabelo. Essas partículas representam risco para a microfauna presente nos oceanos e contribui para o aumento da transferência de poluentes do mar para a vida marinha. No processo de lavagem de roupas, em máquinas, os resíduos liberados correspondem a aproximadamente 50% dos microplásticos de uma casa. Atualmente, cerca de metade dos microplásticos produzidos em uma residência são provenientes de máquinas lavadoras de roupas. Mais informações: www.coppe.ufrj.br

Saúde e crises globais é tema do dossiê do último número de 2020 da Reciis
A revista Reciis, uma publicação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), recebe até o dia 8 de setembro inscrições de trabalhos para o dossiê Comunicação, Saúde e Crises Globais, que irá compor o último número de 2020 do periódico. A Reciis é um periódico interdisciplinar trimestral de acesso aberto, revisado por pares e sem ônus para o autor. Publica textos inéditos e em fluxo contínuo de interesse para as áreas de comunicação, informação e saúde, em português, inglês ou espanhol. De acordo com os editores convidados Ravindra Kumar Vemula e Allan Santos, as pandemias como a gripe espanhola, o HIV-Aids, o ebola, a gripe aviária, a Influenza H1N1, e mais recentemente, a Covid-19, possibilitam refletir, a partir de seus contextos e especificidades, de que maneiras as ameaças e consequências de doenças infecciosas propagadas em escala mundial têm sido articuladas por discursos midiáticos para a representação de pandemias como locus de crises sanitárias, (bio)políticas, institucionais, econômicas, sociais e culturais. As informações para o envio de artigos estão disponíveis na chamada de trabalhos. Normas sobre a preparação do manuscrito estão disponíveis no site da revista. No caso de dúvidas, escreva para o e-mail: reciis@icict.fiocruz.br. Mais informações: https://www.reciis.icict.fiocruz.br  

Webinário da ABC discute cenário ambiental e econômico no surgimento de pandemias 
O próximo webinário da Academia Brasileira de Ciências (ABC), que será realizado na terça-feira, 4 de agosto, às 16h, vai discutir o tema "Saúde e meio ambiente: poluição, saneamento e economia circular". As pandemias estão inseridas em um cenário complexo. A contaminação é também influenciada por fatores ambientais, como a presença de animais silvestres, o adensamento urbano, a intensa mobilidade humana no mundo globalizado, as vulnerabilidades e a desigualdade extremadas. Nesse contexto, é preciso focar no esgotamento sanitário, no sentido da recuperação das águas urbanas e da vigilância epidemiológica. Com o novo marco legal do saneamento, será possível universalizar a cobertura até 2033? Para debater o tema, a Academia Brasileira de Ciências (ABC) convidou Paulo Saldiva, médico, professor titular do Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP); José Galizia Tundisi, professor titular aposentado da Universidade de São Paulo (USP) e secretário municipal de Desenvolvimento Sustentável, Ciência e Tecnologia da cidade de São Carlos (SP) e Carlos Augusto Chernicharo, professor titular e pesquisador no Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental da Escola de Engenharia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Os moderadores serão o presidente da ABC, Luiz Davidovich, e o diretor Francisco Laurindo. Mais informações: www.abc.org.br

Rural publica estudo sobre aplicações de polímeros em atendimentos na pandemia
O professor do Departamento de Engenharia Química da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), Harrison Lourenço Corrêa, atualmente na Universidade Federal do Paraná (UFPR), e a fisioterapeuta Daniela Gallon Corrêa, da Força Aérea Brasileira (FAB), acabam de publicar um artigo no periódico Frontiers in Materials, dedicado à ciência e tecnologia de polímeros e materiais compósitos. Intitulado “Aplicações de polímeros para atendimento médico na crise da pandemia de Covid-19: ainda falaremos mal desses materiais?”, o artigo traz um estudo de revisão cuja proposta é refletir sobre a importância dos polímeros para sociedade. O estudo propõe a reflexão sobre importância dos polímeros, comumente tidos como vilões do ambiente, mas pouco mencionados como materiais de relevância para manutenção da qualidade de vida da sociedade contemporânea. Devido à sua versatilidade, fácil processamento e transporte, muitos artefatos feitos de polímeros estão sendo reaproveitados para se adaptarem como equipamentos de proteção individual, usados em áreas em que acesso a esses insumos é difícil ou inexistente. Para visualizar o artigo, acesse: https://www.frontiersin.org/articles/10.3389/fmats.2020.00283/abstract

Estudo da UFF alerta para a importância do isolamento social durante a gestação
Apesar da flexibilização gradual do isolamento social devido à pandemia do novo coronavírus, um estudo da Universidade Federal Fluminense (UFF), coordenado pelo professor de Obstetrícia da Faculdade de Medicina, Renato Augusto Moreira de Sá, com a participação de profissionais da saúde do Hospital Universitário Antonio Pedro (Huap), indica que a conjuntura atual é mais alarmante do que se acreditava e que é preciso redobrar o cuidado com as gestantes. O estudo alerta que o ainda elevado índice de letalidade pela Covid-19, com uma média de mais de mil mortos por dia, tem colocado em risco os indivíduos considerados de grupos de risco, portanto, mais suscetíveis ao desenvolvimento de quadros graves da infecção. Para elas, mesmo com o afrouxamento das medidas de isolamento, ainda não parece ser o melhor momento para sair de casa. A pesquisa, publicada recentemente no International Journal of Gynecology and Obstetrics aponta que ocorreram 124 mortes maternas por Covid-19 no Brasil, o que representa 77% das mortes de grávidas em todo o mundo. Além da suscetibilidade das gestantes à infecção, a doença também poder atingir os bebês. Mais informações: www.uff.br

Biólogo debate ciência e meio ambiente com ex-ministra Marina Silva
Como o objetivo de colocar ciência, conservação e meio ambiente como temas centrais das pautas na gestão pública, o biólogo e professor da Universidade Estadual do Ceará (Uece) Hugo Fernandes vem convidando para o debate nas “Lives do Hugo - Política Baseada em Evidências”, que promove no instagram, políticos de destaque no cenário brasileiro. Na próxima segunda-feira, 3 de agosto, às 18h, a convidada será a ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva. Divulgador científico com mais de 100 mil seguidores no Instagram, Hugo promove os encontros virtuais para debater o papel da ciência em tempos de crise e medidas tomadas pelo governo federal nesta e em gestões anteriores. Em 2018, Hugo foi organizador do "Conhecer - Eleições presidenciais", sabatina sobre Ciência com os candidatos à presidência da República. 

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes