O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Notas — Semana de 9 a 15 de abril de 2020
Publicado em: 09/04/2020

Notas — Semana de 9 a 15 de abril de 2020

Uerj desenvolve protetores faciais para profissionais de Saúde
O Instituto Politécnico do Rio de Janeiro, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IPRJ/Uerj), em parceria com professores da Universidade Federal Fluminense (UFF) e a empresa Persona 3D, desenvolveu um modelo de protetor facial (face shield) para os profissionais de Saúde. A ideia é conseguir produzir em grande escala para suprir a demanda de Nova Friburgo e de toda a Região Serrana. O projeto, batizado de Face Shield de Nova Friburgo, fez, na última quinta-feira, 2 de abril, a doação das primeiras 260 peças produzidas: 200 protetores faciais foram entregues a hospitais do município e, 60, ao Corpo de Bombeiros. Os primeiros protótipos foram produzidos em impressão 3D, mas o processo não oferecia a rapidez desejada. O grupo partiu então em busca de novas parcerias que viabilizassem uma produção em grande escala. Assim, o Senai Friburgo e a empresa Stam também se juntaram ao projeto. A solução encontrada foi o corte a laser para confecção do visor e a utilização de máquina de injeção para a viseira. A expectativa é de que consigam produzir até três mil peças por dia. Mais informações: www.uerj.br 

Coppe identifica trabalhadores mais suscetíveis à Covid-19 
Como a profissão pode ser um fator de vulnerabilidade à contaminação pelo coronavírus? Para responder a esta pergunta, uma pesquisa conduzida no Instituto de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ), liderada por Yuri Lima, do Laboratório do Futuro, mapeou o índice de risco de contaminação dos trabalhadores brasileiros pelo vírus, de acordo com suas atividades profissionais. O resultado revelou que 2,6 milhões de profissionais da área de Saúde apresentam risco de contágio acima de 50%. Dentre os mais vulneráveis estão os técnicos em Saúde Bucal, que somam 12.461 profissionais no País, com 100% de risco de contágio, em função do ambiente e da proximidade física com os pacientes. Vendedores varejistas, operadores de caixas e demais profissionais do comércio somam cerca de cinco milhões de trabalhadores e apresentam, em média, 53% de risco de serem infectados pelo Covid-19. Caso as aulas não tivessem sido suspensas, os professores também estariam no grupo de profissionais mais afetados, com índice de risco acima de 70%. Os trabalhadores menos vulneráveis são os que exercem suas atividades de forma quase solitária, com destaque para os 14.215 operadores de motosserra, que, atuando nas áreas rurais apresentam risco de 18%. Roteiristas, escritores, poetas e outros que realizam trabalho voltado para o setor artístico e intelectual também têm pouca chance de contaminação, em média 19%. O estudo também mostra que o coronavírus deverá mudar a dinâmica do mercado e os modelos de negócios das empresas, podendo até antecipar a substituição dos seres humanos por robôs e pela automação na execução de tarefas. Mais informações: https://coppe.ufrj.br

Uenf e prefeitura de Campos discutem parceria para aumentar número de testes para Covid-19
O reitor da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), Raul Palacio, e o prefeito da cidade de Campos Goytacazes, Rafael Diniz, se reuniram nesta segunda-feira, 6 de abril, para discutir a implantação de um Laboratório de Referência Regional para realização de exames para diagnóstico do coronavírus e reforçar o número de testes realizados pelo laboratório existente no Hospital Geral de Guarus (HGG). A Uenf possui equipe e equipamentos para diagnóstico molecular, mas será preciso auxílio financeiro para a aquisição de equipamentos de proteção individual (EPI), insumos e uma adequação no espaço do HGG. O equipamento existente no HGG pode realizar até 56 testes por dia. Caso seja necessário, a Uenf pode ceder mais recursos humanos e mais um termociclador, o que dobraria o número de diagnósticos/dia. Mais informações: www.uenf.br 

UFRJ abre inscrições para pós-graduação em Nanobiossistemas
Estão abertas até o dia 17 de abril as inscrições para o processo seletivo do Programa de Pós-Graduação interdisciplinar e multi-institucional em Nanobiossistemas (PPGIM-Nanobios) do campus Duque de Caxias da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Tanto os candidatos ao curso de Mestrado quanto os candidatos ao Doutorado passarão por uma arguição oral realizada por banca examinadora, constituída por três membros da comissão de seleção representantes das três áreas do PPGIM-Nanobios (Nanotecnologia, Biologia e Computação). Os candidatos serão avaliados quanto ao conteúdo de seus históricos acadêmicos, carta de intenção e demais documentações apresentadas, assim como seus interesses científicos e experiências prévias. No caso da seleção para o curso de Doutorado, o candidato deverá enviar previamente sua proposta do projeto de pesquisa. Na apresentação oral do projeto, o candidato estará livre para realizar a sustentação e argumentação da forma que lhe for mais conveniente, com ou sem uso de ferramentas acessórias, uma vez que a banca avaliadora já terá lido o projeto. O formulário de inscrição está disponível em https://formularios.tic.ufrj.br/index.php/146435

IFRJ arrecada cerca de cinco mil litros de álcool concentrado para produção de álcool 70%
O Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ) recebeu quase cinco mil litros de álcool concentrado para a produção de álcool 70%. Além das doações de 400 litros da Cervejaria Ambev e dos quase 200 litros do Instituto Nacional de Tecnologia, o IFRJ recebeu mais 400 litros da AmBev, 2.000 litros da Usina Única e 2.000 litros da BR Distribuidora. O álcool recebido será distribuído entre os sete campi do instituto que estão envolvidos na produção. Com a quantidade recebida, será possível produzir seis mil litros de álcool, o que equivale a 12 mil frascos para doação. Mais informações: www.ifrj.br

Fiocruz lança chamada para financiar projetos em áreas de vulnerabilidade social
A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) lançou nesta quinta-feira, 9 de abril, uma chamada que destinará um total de R$ 600 mil para financiar projetos de ajuda emergencial a populações vulneráveis. O período de inscrições vai até o dia 17 abril. A chamada está direcionada às seguintes áreas de interesse: Segurança Alimentar; Comunicação; Saúde mental; Ações que favoreçam a observância das medidas preconizadas pelas autoridades sanitárias; e Assistência específica a idosos, pessoas com doenças pré-existentes e com deficiências, gestantes e outros grupos de risco. A chamada dividiu as propostas em três faixas, de acordo com o orçamento do projeto. A primeira para até R$ 10.000, a segunda até R$ 25.000 e a última faixa aceita propostas que custem até R$ 50.000. Podem se inscrever organizações privadas sem fins lucrativos (organizações da sociedade civil) e grupos ou coletivos sem personalidade jurídica, atuantes em territórios socialmente vulneráveis, mas que estejam representados na chamada pública por uma organização sem fins lucrativos, juridicamente constituída. A Fiocruz lançou também nesta quinta a campanha ‘Se liga no Corona!’ em que disponibiliza conteúdo para conscientização em relação ao novo coronavírus em formato de radionovelas, spots para carros de som, peças e vídeos para mídias sociais e cartazes, e ficará disponível para download no Portal Fiocruz e no Maré Online. Mais informações: https://portal.fiocruz.br/se-liga-no-corona 

PUC-Rio conduz pesquisa sobre o impacto do coronavírus na comunidade de TI
O Departamento de Informática do Centro Técnico Científico da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (CTC/PUC-Rio) está representando o Brasil na equipe internacional de pesquisadores que avaliam os efeitos do isolamento social entre profissionais de Tecnologia da Informação (TI). A pesquisa, denominada “Pandemic Programming" (Programação Pandêmica), busca essa resposta junto a profissionais do mundo inteiro sobre os efeitos da prática de home office em seu trabalho durante o isolamento decorrente da pandemia. As perguntas são direcionadas a profissionais da área de software (desenvolvedores, analistas de requisitos, gerentes de projetos de software, designers etc.), para que relatem como a adoção do trabalho feito em casa impactou sua produtividade e bem-estar.  A equipe internacional é composta de pesquisadores de 14 universidades e uma consultora canadense e o Brasil é representado por Marcos Kalinowski, professor do Departamento de Informática do CTC/PUC-Rio. As perguntas foram formuladas a partir de orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e abordam nove tópicos, entre eles o estado pessoal do entrevistado frente à Covid-19, o bem-estar emocional, a produtividade e desempenho antes da pandemia e a performance em casa, além de espaço para comentários livres do entrevistado, como sua relação com o empregador. Mais informações: http://www.ctc.puc-rio.br

Cefet/RJ lança aplicativo para conserto e reposição de peças de máquinas hospitalares
Um aplicativo destinado a organizar e agilizar a logística de manutenção dos equipamentos hospitalares está disponível desde terça-feira, 7de abril, na Play Store da Google. O app foi desenvolvido por um grupo multidisciplinar de pesquisadores do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet/RJ), do campus de Nova Iguaçu. A ideia do projeto surgiu a partir da constatação de que existe um número considerável de equipamentos nos hospitais que não estão operacionais por falta de peças e componentes, e nestes casos, pode-se aplicar engenharia reversa para projeto e fabricação das peças daqueles equipamentos que já não teriam mais conserto pela dificuldade de adquirir os componentes. O SOSTecSaúde terá a função de conectar duas pontas. Na primeira, os hospitais inserem informações sobre os equipamentos parados, e na outra, as empresas verificam a disponibilidade e a capacidade para atendimento. A coordenação do projeto é dos professores de Engenharia Mecânica Fabrício Lopes e Silva e Guilherme Campos. Mais informações: https://www.instagram.com/p/B-r-fDIF3Ke/?igshid=a16w5l2gq8cl

Estudantes criam app para conectar voluntários na quarentena 
Um grupo de sete estudantes de ensino superior do Instituto Federal Fluminense (IFF), da Fundação Centro Universitário da Zona Oeste do Rio de Janeiro (Uezo), Estácio, Unicarioca e Universidade Cândido Mendes (Ucam) criaram um aplicativo para conectar o pedido de quem precisa de ajuda nessa quarentena com voluntários dispostos a ajudar. O app, que está disponível em versão web e para Android, funciona por localização e informa a pessoa mais próxima disponível para prestar auxílio. A idealização do projeto é de Beatriz Pereira, que cursa o último ano de Análise e Desenvolvimento de Sistemas na Estácio e a coordenação é de Lucas Paes, técnico em Informática pelo IFF e formando em Gestão Financeira pela Cândido Mendes. Mais informações: https://quarentena-solidaria.com 

Coppe promove fórum virtual para discutir o Brasil pós-pandemia 
O Instituto de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ) promove, no próximo dia 12 de abril, domingo, às 18h, o primeiro debate do Fórum Virtual “O Brasil após a pandemia”. A série de encontros virtuais tem como objetivo debater e discutir propostas e alternativas para o País superar os impactos decorrentes da pandemia causada pelo coronavírus. O público poderá assistir e participar do debate, ao vivo, com perguntas que serão encaminhadas aos debatedores, pelo Facebook da Coppe. A série de encontros contará com a mediação do professor Luiz Pinguelli Rosa, da Coppe, e abordará os temas: Política, Ciência e Tecnologia (12 de abril); Indústria, Produção e Emprego (dia 15); Saúde Pública, Cidades e Infraestrutura (dia 19); Internet e Ética (dia 22). Mais informações: https://www.facebook.com/coppe

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes