O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > FAPERJ lança o edital 'Apoio a Grupos Emergentes de Pesquisa - 2019'
Publicado em: 15/08/2019 | Atualizado em: 20/08/2019

FAPERJ lança o edital 'Apoio a Grupos Emergentes de Pesquisa - 2019'

A diretoria da FAPERJ anuncia nesta quinta-feira, 15 de agosto, o lançamento do edital "Apoio a Grupos Emergentes de Pesquisa no Estado do Rio de Janeiro – 2019". Em sua quinta edição, este programa visa fomentar a pesquisa cooperativa e incentivar a formação de grupos emergentes de pesquisadores que desenvolvam atividades científicas, tecnológicas e de inovação, com plano de desenvolvimento promissor e bem definido. Os grupos emergentes devem ser formados por pesquisadores com até 15 (quinze) anos de doutoramento. Para o financiamento deste programa serão alocados recursos da ordem de R$ 30.000.000,00 (trinta milhões de reais) definidos na programação orçamentária da FAPERJ, a serem pagos em duas parcelas, podendo, a critério da diretoria da Fundação, incluir recursos adicionais, dependendo da disponibilidade decorrente de alteração nesta programação.

Segundo o presidente da Fundação, Jerson Lima Silva, uma das missões mais importantes da FAPERJ é garantir a sustentação e a continuidade do desenvolvimento científico e tecnológico do Estado do Rio de Janeiro. “É crucial induzir e apoiar de modo permanente a formação de grupos que reúnam os jovens talentos para a ciência que, de outra forma, poderiam desistir de sua vocação científica ou procurar outros estados ou países para conduzir suas pesquisas. Nosso dever é manter os jovens cientistas desenvolvendo suas pesquisas nas diversas instituições fluminenses, pois cabe a eles construir as soluções para o desenvolvimento do estado e para a melhoria da vida e da segurança da população. A quarta edição do Edital de Apoio a Grupos Emergentes, lançada em 2016, teve os recursos empenhados de modo adequado, mas a maior parte dos projetos, infelizmente, não foi paga pelo governo anterior, e caiu na rubrica financeira ‘Restos a Pagar’. Estamos compromissados a honrar todos esses projetos, mas também temos de cumprir com a missão de apoiar projetos novos bem como dar oportunidade de financiamento aos projetos dos grupos emergentes ainda não pagos”, disse Lima.

As propostas submetidas ao edital devem ser classificadas em uma das seguintes faixas, de acordo com o montante solicitado: Faixa A – entre R$ 300.001,00 (trezentos mil e um reais) e R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais) – mínimo de seis (6) pesquisadores com doutoramento a partir do mês de 01 de janeiro de 2004; e Faixa B – valor inferior ou igual a R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) – mínimo de três (3) pesquisadores com doutoramento a partir de 01 de janeiro de 2004.

Serão financiáveis itens de custeio e de capital indispensáveis à realização do projeto, compreendendo: a) Despesas de capital: Aquisição de materiais permanentes e equipamentos; b) Despesas de custeio: serviços de terceiros (pessoas físicas e jurídicas) com caráter eventual, incluindo a manutenção de equipamentos e material permanente e a realização de pequenos reparos e adaptações de bens imóveis necessários à execução do projeto; diárias e passagens para trabalho de campo até o limite de 5% do montante solicitado em despesas de custeio; Material de consumo, componentes e/ou peças de reposição de equipamentos; Despesas de importação (até o limite máximo de 18% do valor do bem importado).

Confira a íntegra do edital: "Apoio a Grupos Emergentes de Pesquisa no Estado do Rio de Janeiro – 2019"

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes