O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Notas – Semana de 31 de janeiro a 6 de fevereiro de 2018
Publicado em: 31/01/2019

Notas – Semana de 31 de janeiro a 6 de fevereiro de 2018

Conexão França-Brasil: a partir da esq., Alexis Lenoir, Olivier Fudym,
Jerson Lima, Vania Paschoalin e Filippo Scelza (Foto: Lécio A. Ramos) 

Presidente da FAPERJ recebe Olivier Fudym, diretor do CNRS no Rio
O diretor do escritório, no Rio, do Centro National da Pesquisa Científica (CNRS, na sigla em francês), da França, Olivier Fudym, reuniu-se nesta quarta-feira, dia 30 de janeiro, com o presidente da FAPERJ, Jerson Lima. A reunião ocorreu na sede da Fundação e teve por objetivo consolidar os laços de colaboração entre a FAPERJ e o CNRS, discutindo a possibilidade de novas cooperações entre pesquisadores de instituições fluminenses e francesas, e também para dar maior visibilidade para as cooperações individuais que já existem entre pesquisadores dos dois países, como, por exemplo, no âmbito de programas próprios da FAPERJ, tais como Cientista do Nosso Estado, Jovem Cientista do Nosso Estado, Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCT), Doutorado Sanduíche e Doutorado Sanduíche Reverso etc. Em outra frente, ficou acertada a preparação de um Termo de Cooperação entre as duas agências, com vistas a ampliar as possibilidades de cooperação não apenas entre instituições de ensino e pesquisa dos dois países, mas que incentive também a busca de parcerias com o setor produtivo. Estiveram presentes ao encontro, além dos dois dirigentes, o encarregado da cooperação científica do CNRS no Brasil e no Cone Sul, Alexis Lenoir; o subsecretário de Cooperação com o Setor Tecnológico e Inovativo  da Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Filippo Scelza; o superintendente da Subsecretaria de Cooperação com o Setor Tecnológico e Inovativo da Secti, Felipe Sampaio; e os assessores da presidência da FAPERJ, Vania Paschoalin e Caio Meira.

Jacob Palis é um dos vencedores do Abdus Salam Award 2019
O matemático brasileiro Jacob Palis, pesquisador emérito do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), é um dos vencedores do Abdus Salam Award 2019. Também foram agraciados o físico Sandro Radicella e a Biblioteca Marie Curie. O anúncio foi feito nesta terça-feira, 30 de janeiro. Palis foi reconhecido pelas importantes contribuições ao desenvolvimento da ciência, especialmente a Matemática. O Abdus Salam Award foi criado em 2014 pela família do físico paquistanês Abdus Salam, vencedor do Nobel de Física de 1979, como uma forma de manter vivos sua memória e seu espírito científico. Realizada pelo Centro Internacional Abdus Salam de Física Teórica (ICTP, na sigla em inglês), a premiação reconhece aqueles que, como Salam, trabalharam para promover o desenvolvimento da ciência e da tecnologia em países em desenvolvimento. É entregue anualmente sempre na última semana de janeiro, para coincidir com o aniversário de Salam, o dia 29 de janeiro. Palis foi Cientista do Nosso Estado da FAPERJ e, ao longo de sua trajetória, vem sendo contemplado com o apoio da Fundação. Ex-presidente da Academia Brasileira de Ciências (ABC), de 2007 a 2016, ele também presidiu a União Internacional de Matemática (IMU), de 1999 a 2002. Foi, ainda, diretor-geral do Impa de 1993 a 2003. Em 2005, o matemático brasileiro foi condecorado Cavaleiro da Ordem pela Legião de Honra da França. Em 2018 recebeu nova condecoração: a Medalha de Oficial da Legião de Honra da França, pelo trabalho de excelência realizado em prol da ciência mundial e das relações científicas entre a França e o Brasil. Em toda a carreira, Palis orientou 41 alunos de doutorado, entre eles os renomados Welington de Melo, Ricardo Mañé, Carlos Gustavo Moreira de Araújo e o atual diretor-geral do Impa, Marcelo Viana. Tem 267 descendentes científicos. Mais informações: https://impa.br 

PUC-Rio é 3ª colocada da América Latina no ranking de universidades em países emergentes
Resultado divulgado pela consultoria britânica de ensino superior Times Higher Education (THE), dia 15 de janeiro, mostra que a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) ocupa o terceiro lugar entre as universidades da América Latina, quando considerado o ranking de instituições de ensino superior em economias emergentes (Emerging Economies Ranking 2019). Os dois primeiros colocados são a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade de Campinas (Unicamp). O resultado revela o desempenho de 442 instituições de ensino superior de 43 países classificados como economias emergentes pela FTSE Russel (http://www.ftserussell.com/). Apenas 36 universidades brasileiras constam da classificação, que utiliza a mesma metodologia do ranking mundial (THE World University Rankings), examinando as dimensões de Ensino, Pesquisa, Internacionalização e Parceria com a Indústria. No Brasil, a PUC-Rio também ocupa o terceiro lugar no ranking geral, é líder em parceria com a indústria e considerada a melhor instituição privada. Veja a íntegra dos resultados em: https://www.timeshighereducation.com/world-university-rankings/2019/emerging-economies-university


Fiocruz abre inscrições para Programa de Pós-Doutorado em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas
 
O Programa de Pós-doutorado em Pesquisa Clínica em Doenças Infecciosas do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas (INI), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), está com inscrições abertas até 4 de fevereiro. Os candidatos devem ter doutorado e apresentar um projeto de pesquisa. Mais informações: www.ini.fiocruz.br

UFF abre mestrado em Justiça e Segurança
O Instituto de Estudos Comparados em Administração de Conflitos (InEAC) abre inscrições para a primeira turma de mestrado do Programa de Pós-graduação em Justiça e Segurança da Universidade Federal Fluminense (PPGJS/UFF). O processo de inscrição estará aberto entre os dias 14 de janeiro a 15 de fevereiro. Mais informações (Arquivo em PDF): http://www.ineac.uff.br/index.php/noticias/item/download/34_86c2b076d8c4bfb8769b21b55a96a635

Nepad expande atendimento para tratamento do tabagismo
O Núcleo de Estudos e Pesquisas em Atenção ao Uso de Drogas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Nepad/Uerj) ampliará a sua área de atuação no tratamento para tabagismo em 2019 e promoverá grupos com profissionais capacitados para o atendimento dos tabagistas. Há mais de 30 anos como referência no atendimento aos usuários de drogas do Estado do Rio de Janeiro, o Nepad é considerado centro de excelência para prevenção, pesquisa e tratamento no campo das toxicomanias. Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que o consumo de tabaco provocou a morte de 100 milhões de pessoas no último século. O hábito de fumar responde por 12% da mortalidade adulta mundial. Reconhecido como um problema global, o tabagismo fez com que os países membros das Nações Unidas adotassem a Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco (CQCT), na qual signatários concordam em empreender esforços para reduzir a epidemia causada pelo tabaco. O Núcleo quebrou alguns paradigmas na década de 1980, com uma abordagem diferente aos usuários de drogas e no lugar do tratamento baseado na abstenção, inovou com abordagens mais psicodinâmicas. O Nepad está localizado no Edifício Pedro Ernesto, na Rua Fonseca Telles, 121 – 4º andar, em São Cristóvão. As informações sobre inscrições para o tratamento do tabagismo estão à disposição através dos telefones (21) 2334-8544 e 2332-4738, nos ramais 223 e 225, sempre das 9h às 17h. As inscrições no programa devem ser feitas presencialmente, às segundas, terças e quintas-feiras, das 10 às 15 horas. Mais informações: http://www.uerj.br/noticia/nepad-expande-atendimento-para-tratamento-do-tabagismo/

Projeto de lei que discute a regulamentação da profissão de gestor ambiental segue para o Senado
O Projeto de Lei 2664/2011, que prevê a regulamentação da profissão de Gestor Ambiental, tramitou em caráter conclusivo pela Câmara dos Deputados Federais e agora segue para o Senado, onde passará, provavelmente, pelas comissões de ética e de justiça, através de seus relatores nomeados pela presidência da mesa. Após aprovado nas comissões do Senado, finalmente, seguirá para a sanção presidencial. Após esses trâmites, a Lei da profissão de Gestor Ambiental norteará a atuação deste importante profissional. Mais informações: https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=526823&ord=1 

 

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes