O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Evento debate parcerias na área de saúde com países da União Europeia*
Publicado em: 03/12/2015

Evento debate parcerias na área de saúde com países da União Europeia*

Com o mundo globalizado, as parcerias internacionais na área
de saúde são cada vez mais comuns 
(Foto: Getty Images)   

Com a participação de cientistas e políticos da Bélgica, Suíça, Itália e Dinamarca, terá lugar, na Fundação Oswaldo Cruz, o seminário Tour do Brasil – Parcerias e Oportunidades de Cooperação entre Brasil e Europa em Saúde. Organizado em conjunto pela Fiocruz e a Wallonie-Bruxelles International, contando com apoio da FAPERJ, o evento acontece na próxima quinta-feira, 10 de dezembro, para mostrar aos pesquisadores brasileiros o potencial de cooperação em ciência, tecnologia e inovação com os países da União Europeia, discutindo, em especial, as oportunidades de parceria na área da saúde.

O Tour do Brasil contará com a a presença do vice-presidente de Pesquisa e Laboratórios de Referência da Fiocruz, Rodrigo Stabelli; da médica e diretora de Tecnologia da FAPERJ, Eliete Bouskela; e do chefe do setor de Pesquisa e Inovação da Delegação da União Europeia no Brasil, Piero Venturini. “Trata-se de um evento importante tanto para a internacionalização e o desenvolvimento de parcerias para cientistas brasileiros, quanto para a internacionalização das parcerias e dos programas de fomento lançados pela FAPERJ", destaca Eliete.

“A colaboração entre cientistas é de extrema importância, pois permite aliar esforços na busca de soluções em áreas, como ciência, ambiente, educação e produção de insumos. No Brasil, em geral, o financiamento dessas colaborações tem origem em fontes diversas e, majoritariamente, em órgãos governamentais, como os ministérios da Saúde, da Ciência, Tecnologia e Inovação e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio; assim como em agências de fomento, como as Fundações de Amparo à Pesquisa (FAPs), entre elas a FAPERJ, no Rio de Janeiro”, afirma o assessor da vice-presidência de Pesquisa e Laboratórios de Referência da Fiocruz, Wim Degrave.  

As parcerias já desenvolvidas pela instituição são outro ponto destacado por Degrave. “Temos longa tradição de cooperação com dezenas de instituições de pesquisa em praticamente todos os países da Europa, não só na área da saúde e educação, mas também nos campos de pesquisa clínica e biodiversidade”, afirma. “Mantemos vários projetos conjuntos no desenvolvimento e produção de vacinas, medicamentos, métodos diagnósticos, nanotecnologia e microeletrônica. Através desses acordos de cooperação, fazemos transferência de tecnologia e mantemos o intercâmbio de cientistas, estudantes de pós-graduação e tecnólogos, numa extensa rede de contatos e projetos. Firmamos várias parcerias com países europeus, principalmente França, Reino Unido, Espanha, Portugal, Bélgica, Itália, Luxemburgo, Holanda, Irlanda e Suíça. E, além das 21 unidades espalhadas pelo Brasil, contamos também com um escritório em Moçambique, na África”, acrescenta.

Assessora de Relações Internacionais e representante do projeto B.Bice+ no Brasil, iniciativa que promove a cooperação científica entre Brasil e Europa, Ana Paula Rossetto da Silva fará uma apresentação das oportunidades de parceria oferecidas pela Comissão Europeia. Será a terceira das quatro sessões de debates do evento. "A primeira sessão mostrará as iniciativas brasileiras de apoio à pesquisa e inovação no setor de saúde. Dela participarão a diretora de Tecnologia da FAPERJ, Eliete Bouskela, representantes do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). Em seguida, representantes da Fiocruz falarão sobre casos de sucesso de colaboração com os países europeus e o potencial de novas parcerias", afirma Ana Paula.

Na terceira sessão de debates, o representante do setor de Pesquisa e Inovação da delegação da União Europeia no Brasil, Piero Venturini, apresentará o novo programa europeu para pesquisa e inovação que será executado até 2020, com um orçamento estimado de 80 milhões de euros e várias modalidades de investimento: o Horizon 2020. "Na quarta e última sessão, os representantes europeus falarão sobre as parcerias em curso com o Brasil e as novas oportunidades que vêm sendo oferecidas, mas que ainda são pouco conhecidas da comunidade científica, como o próprio B.Bice+ e o Euraxess Links Brazil – iniciativas da Comissão Europeia para incentivar pesquisadores brasileiros interessados em desenvolver carreira científica na Europa, ou mesmo estabelecer parcerias em pesquisa", complementa. Até o momento, representantes de Bélgica, Itália, Suíça e Dinamarca já confirmaram presença no Tour do Brasil.

Interessados em participar do evento podem confirmar participação pelo e-mail: bbiceplus@ird.fr e http://www.b-bice-plus.eu/wp-content/uploads/ToB_Agenda.pdf (arquivo em PDF)

*Com informações da Coordenação de Comunicação da Fiocruz e da Assessoria de Imprensa do B.Bice+

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes