O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Orientações técnico-normativas
Publicado em: 05/07/2004

Orientações técnico-normativas

Com base nas perguntas mais comuns sobre o edital, as seguintes instruções são baixadas para melhor orientar os futuros candidatos ao Edital “Primeiros Projetos”.

 

1.       Como devo entender a expressão “até dez anos de conclusão do doutoramento”?

 

Interpretação: refere-se a quem ainda não completou dez anos de doutoramento no dia 04 de novembro de 2003, data final da entrega dos projetos;

 

2.       Vinculados com Instituição de fora do Estado do Rio de Janeiro poderão participar?

 

Interpretação: não. O presente Edital destina-se única e exclusivamente a pesquisadores doutores vinculados a instituições de Ensino e Pesquisa do Rio de Janeiro. Dessa forma, vínculos extra-territoriais do Estado do Rio de Janeiro não são elegíveis para o presente Edital.

 

3.       Apenas Instituições de Ensino e Pesquisa podem participar?

 

Interpretação: podem concorrer candidatos oriundos de instituição de ensino e pesquisa, não importando se o ensino é de graduação ou pós-graduação em qualquer nível. Basta que se definam nestas condições. O objetivo do edital, expresso em seu item 1.1, reza explicitamente que visa “apoiar a instalação, modernização, ampliação ou recuperação da infra-estrutura de pesquisa científica e tecnológica nas instituições públicas de ensino e pesquisa visando dar suporte à fixação de jovens pesquisadores e nucleação de novos grupos (grifo nosso)”.

 

4.       A que tipo de vínculo se refere o edital, quando exige que o candidato “explicite o tipo e duração do vínculo com a Instituição (item 2.2)”.

 

Interpretação: a vinculação ideal para os objetivos do Edital é a formal de professor e/ou pesquisador do quadro permanente da instituição (pesquisador, professor adjunto, titular etc). No entanto são aceitáveis outros vínculos onde a instituição declara interesse em incorporar pesquisadores com o perfil definido por seus bolsistas de Fixação de Pesquisador e outros oriundos do CNPq e CAPES, tais como PROFIX, ProDoc e Recém Doutor. É importante ressaltar que a duração da bolsa deve ser igual ou superior ao tempo de desenvolvimento do projeto.

 

5.       Quantas cópias devo entregar? Qual formulário? E o formato do curriculum?

 

Duas cópias de toda a documentação deverá ser entregue, juntamente com o formulário APQ1 (que pode ser obtido na página da FAPERJ na internet). O curriculum deve seguir o modelo lattes do CNPq.

 

6.       Posso incluir “consumo” no meu planejamento do projeto?

 

Material de consumo pode ser incluído no item “custeio”, devendo estar diretamente relacionado à execução do projeto, tais como reagentes, material para trabalho de campo etc.

O item 1.4.1 do Edital exclui explicitamente o gasto com custeio ligados à área administrativa e que a instituição que abriga o projeto necessariamente deve disponibilizar.
Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes