O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Cardiologia é o tema principal de congresso do Hupe
Publicado em: 15/08/2013

Cardiologia é o tema principal de congresso do Hupe

Elena Mandarim

A correlação dos tratamentos cardíacos com outras especialidades médicas é o principal foco da 51 edição do já tradicional Congresso Científico do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). No evento deste ano, que ocorrerá no período de 19 a 22 de agosto, o tema abordado será "Cardiologia no Século XXI - Uma visão multidisciplinar", enfatizando algumas abordagens, como cardiologia dos esportes, tratamentos farmacológicos, cirurgia bariátrica – em que há redução do tamanho do estômago –, reabilitação cardíaca, entre outros. Na extensa programação, os participantes poderão assistir conferências e mesas-redondas, bem como poderão participar de minicursos. Haverá ainda espaço para apresentações orais e pôsteres, com temas livres, de trabalhos previamente selecionados. E, como em todos os anos, também haverá o tradicional prêmio Dr. Pedro Ernesto e outro para os melhores pôsteres preferencialmente voltados para o tema central do evento.

De acordo com o presidente do congresso e chefe do setor de Cardiologia do Hupe, professor Denilson Campos Albuquerque, as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no Brasil, e o Rio de Janeiro é um dos estados com maior índice de letalidade. Dessa forma, o tema abordado no congresso se mostra bastante relevante, principalmente para promover uma troca de conhecimento entre as diversas áreas médicas. "Cada vez mais é preciso agrupar diferentes competências para que o tratamento seja o mais efetivo possível. Na cirurgia bariátrica, por exemplo, a principal indicação cirúrgica é reverter a obesidade, que está intimamente ligada a problemas cardiovasculares. Mas o paciente também precisa passar por avaliações endócrinas, renais e até mesmo por um acompanhamento psicológico", explica o médico.

A sessão solene de abertura do congresso está prevista para as 9h45 da terça-feira, 20 de agosto. A conferência de abertura, marcada para uma hora mais tarde, será proferida pelo presidente da FAPERJ, Ruy Garcia Marques, que também é professor da Uerj. Ruy Marques vai falar sobre os "Avanços da Pesquisa e da Inovação Tecnológica no Rio de Janeiro: O Papel das Agências de Fomento".  Na ocasião, será lançada ainda a Revista do Hupe.

A comissão organizadora está empenhada em fazer um evento não apenas tecnológico, mas um congresso bem clínico, humanizado e voltado para todos os níveis do conhecimento. Albuquerque destaca o simpósio que, na quinta-feira,  22 de agosto, às 10h30, vai abordar uma pesquisa pioneira do Hupe sobre denervação da artéria renal, técnica indicada para tratar pacientes com hipertensão resistente aos fármacos disponíveis no mercado. Segundo o médico, o procedimento é minimamente invasivo e tem por objetivo cortar os nervos ao longo das artérias renais, o que pode gerar uma queda na pressão arterial do paciente. "Este é um projeto experimental, aprovado pelo comitê de ética e desempenhado com recursos da FAPERJ."

Em toda a programação, é possível observar a multidisciplinaridade do congresso. Na terça-feira, dia 20, por exemplo, às 14h, no anfiteatro da cardiologia, uma mesa-redonda discutirá  "tratamento da obesidade", abordando não só os riscos cardiovasculares como também a eficiência da prática de exercícios físicos e a necessidade do acompanhamento psicológico. Outro exemplo interessante é o colóquio da quarta-feira, 21 de agosto, com o tema "Tudo que você precisa saber sobre disfunção erétil e tinha vergonha de perguntar", agrupando conhecimentos vasculares, tratamentos farmacológicos e terapias auxiliares. A interação com a área de nutrição e a de enfermagem também terá espaço no evento: no dia 20, às 16h, no anfiteatro 472, haverá apresentação de um caso clínico de enfermagem, que vai mostrar as competências dessa área nos tratamentos cardíacos. Já no dia 21, às 14h, no mesmo anfiteatro 472, haverá a sessão de "Dúvidas em Nutrição", apresentando pesquisas sobre alimentos funcionais usados para tratamento de doenças cardiovasculares.

Segundo Albuquerque, o congresso, que conta com o apoio da FAPERJ, é aberto a profissionais de saúde, professores, residentes, pós-graduandos e alunos. "O Hupe é uma instituição voltada para formação, treinamento e aperfeiçoamento de profissionais na área da saúde. E a promoção desse congresso anual é mais um instrumento para isso", conclui. O Hupe fica na Av. 28 de Setembro, 77, em Vila Isabel, no Rio de Janeiro. Os interessados em participar podem obter mais informações por telefone (2868-8439) ou pelo site (http://congresso.hupe.uerj.br/congresso/).

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes