O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Notas - Semana de 6 a 13 de junho de 2012
Publicado em: 06/06/2012

Notas - Semana de 6 a 13 de junho de 2012

Pesquisas em Biotecnologia ganham polo pioneiro na UFRJ
O Instituto de Microbiologia Paulo de Góes (IMPG), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) acaba de ganhar um novo polo de laboratórios pioneiro no estado: o Bioinovar. O espaço será o maior complexo de laboratórios de pesquisas na área de biotecnologia do Brasil e o único no Rio de Janeiro com o desenvolvimento de projetos pioneiros nas áreas médica, farmacêutica e de sustentabilidade socioambiental, com destaque para as pesquisas com micro-organismos voltados para a prevenção e remediação de acidentes naturais ou decorrentes da ação do ser humano, como o vazamento de óleo no oceano. O polo será constituído por diferentes grupos de pesquisa de caráter multidisciplinar, com foco em quatro grandes áreas: Biocombustíveis; Biofármacos e Dispositivos Biomédicos; Biocatalisadores e Bioprodutos; e Ecologia Microbiana e Biotecnologia do Petróleo. O complexo vai trabalhar também com a implantação de áreas de Biossegurança, onde serão feitos testes com vírus patogênicos e estudos de doenças sazonais e epidemias, além do desenvolvimento de vacinas e de medicamentos. O Bioinovar envolverá a universidade, empresas e o governo, e tem como um de seus principais objetivos o desenvolvimento da pesquisa básica, como resposta às necessidades sociais. A FAPERJ, por meio de seus muitos programas/editais, vem apoiando, consistentemente, a equipe de pesquisadores e professores da UFRJ – referências em suas áreas de atuação, como Alane Beatriz Vermelho, Alex E. Prast, Alexandre Soares Rosado, Amilcar Tanuri, Angelo Cunha, Eliezer J. Barreiro, José C. S. Gonçalves, Raquel Silva Peixoto e Renato Rozental. Mais informações: www.ufrj.br

Casa de Oswaldo Cruz lança inventário do Fundo Carlos Chagas Filho
A Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz) acaba de lançar o Inventário do Fundo Carlos Chagas Filho. Trata-se da relação detalhada do patrimônio arquivístico acumulado e gerado pelo médico, cientista e acadêmico brasileiro, patrono da FAPERJ, fundador do Instituto de Biofísica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que atuou ainda na Organização das Nações Unidas, na Unesco e na Pontifícia Academia de Ciências do Vaticano. Com mais de 39 metros de documentos textuais, o Inventário reúne cartas, memorandos, ofícios, telegramas, bilhetes, convites, cartões-postais, discursos, conferências, diplomas, certificados, declarações, currículos, projetos de pesquisa, comunicações, artigos científicos, programas de eventos, notas para a imprensa, protocolos de pesquisa, atas de reunião, entrevistas, relatórios de atividades, jornais e outros documentos. O acervo, todo disponível on-line, está dividido em cinco grupos, abrangendo a vida pessoal, a formação e a administração da carreira, a docência e a pesquisa, a gestão de instituições de ciência e tecnologia em saúde e as relações interinstitucionais e em intergrupos. Mais informações (arquivo em PDF): http://www.arch.coc.fiocruz.br/local/File/inventarioCarlosChagasFilho.pdf

Capes disponibiliza informações científicas para profissionais de saúde
O Portal de Periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) disponibiliza, desde a terça-feira (29), informações científicas e tecnológicas para profissionais da saúde. O conteúdo foi definido após um levantamento junto a comunidades de pesquisadores da área. A proposta foi identificar as bases de dados mais adequadas para atender às necessidades dos profissionais do setor. A página eletrônica traz o conteúdo de plataformas como Embase, Hospital Collection, Dynamed, Atheneu, Best Practice e Micromedex. Podem acessar as informações profissionais vinculados ao conselho profissional das áreas de biologia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia e terapia ocupacional, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, psicologia e serviço social. A ação é resultado de uma parceria entre os ministérios da Educação e da Saúde. Mais informações:
http://periodicos.saude.gov.br

Exposição Cadê a Química é prorrogada até dia 24
Quem ainda não teve oportunidade de visitar a exposição Cadê a Química, terá chance de conferir até o dia 24 deste mês. Em cartaz na Casa da Ciência da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Rua Lauro Müller, 3 - Botafogo), a mostra, que já foi vista por quase 12 mil pessoas, terá, em suas últimas semanas, visitas teatralizadas. Montada em ambientes que remetem a uma casa, seu objetivo é revelar como a química está presente no cotidiano de todos nós. Assim, é possível fazer experiências na cozinha, deitar-se na cama para ver, no teto, a projeção de um vídeo que explica as reações químicas pelas quais o ser humano passa quando está apaixonado. Na cozinha, o público recebe explicações sobre o funcionamento da geladeira e do micro-ondas, por exemplo. Nos próximos fins de semana, visitas guiadas e teatralizadas, chamadas de 'Combinação Explosiva' e conduzidas por um "cientista" e por uma "diarista", explicarão como a química rege os acontecimentos dentro de uma casa. Realizado pela Casa da Ciência, em parceria com a Sociedade Brasileira de Química e patrocínio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, CNPq e Petrobras, o evento encerra as comemorações do Ano Internacional da Química em 2011. Mais informações:
www.casadaciencia.ufrj.br

Prêmio Odebrecht de Pesquisa Histórica: inscrições até 29 de junho
Conferido anualmente a projetos de pesquisa inéditos que tratem de assuntos ligados ao resgate cultural e à preservação da história do Brasil, o Prêmio Odebrecht de Pesquisa Histórica - Clarival do Prado Valladares está com inscrições abertas até 29 de junho. Criado em 2003, o prêmio busca enriquecer o acervo documental do país sobre fatos, processos e pessoas cuja memória deva ser preservada e difundida. Ao pesquisador vencedor é oferecida toda estrutura para o processo de investigação, como corpo técnico de pesquisadores, viagens nacionais e internacionais para apuração in loco e ainda pagamento antecipado dos direitos autorais. Não existe um valor pré-determinado para o apoio, que depende das necessidades de cada projeto selecionado. Mais informações:
www.odebrecht.com/pesquisahistorica

Financiadora de Estudos e Projetos terá estande na Rio+20
Com uma estrutura de 3,5 mil m2, totalmente planejada a partir de um design "verde", a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) marcará presença na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, que acontece entre os dias 13 e 22 de junho, no Rio de Janeiro. No espaço da Financiadora, localizado no Armazém 3 do Pier Mauá, Zona Portuária, ocorrerá a exposição Inovação para o Desenvolvimento Sustentável. Diversas empresas e instituições públicas e privadas – entre as quais Itaipu Binacional, Embraer e Embraco – estarão presentes. A CNI (Confederação Nacional da Indústria) e instituições associadas também confirmaram presença e ocuparão um estande com cerca de 300 m2. Todos os expositores apresentarão produtos, serviços e processos inovadores ligados ao tema que norteia o evento. Mais informações:
www.finep.gov.br

Centro de Gestão e Estudos Estratégicos organiza evento paralelo a Rio+20
Entre os dias 11 e 15 de junho, o Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) organiza uma série de painéis dentro da programação paralela não-oficial da Conferência Internacional sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), que será realizada nos períodos da manhã e da tarde, no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES – Avenida Chile, 330, andar, Centro, Rio de Janeiro). Ao todo serão nove painéis ligados a projetos desenvolvidos pelo CGEE em áreas como bioenergia da cana, uso da terra e emissões que afetam a mudança climática, produção sustentável de alimentos, usos da biodiversidade e dos recursos naturais para a mudança sociotécnica, mar e oceanos, água, química verde, a perspectiva do desenvolvimento sustentável das terras secas e economia verde. Mais informações: cgeeriomais20@cgee.org.br ou
http://rio20.cgee.org.br

ABC fará sessão sobre Amazônia em evento preparatório para a Rio+20
Dentro das atividades do Foro de Ciência, Tecnologia & Inovação para o Desenvolvimento Sustentável – evento preparatório para a Rio+20 que acontece entre os dias 11 e 15 de junho na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) –, a Academia Brasileira de Ciências (ABC) apresentará uma mesa de debate sobre a Amazônia. A sessão abordará o tema "Ciência, Tecnologia e Inovação para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia: uma Perspectiva Brasileira". Os participantes serão os acadêmicos Adalberto Val (diretor do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Inpa); Bertha Becker (geógrafa da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ e especialista em Amazônia) e Carlos Afonso Nobre (climatologista e secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do MCTI); além do presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) Luciano Coutinho. A mesa acontecerá no dia 13 de junho, de 12h30 às 14h, no auditório do Rio Data Centro (RDC), na PUC-Rio. Mais informações:
www.abc.org.br

Inpe e Rede Clima lançam cartilha educativa para a Rio+20
O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e a Rede Brasileira de Pesquisa sobre Mudanças Climáticas Globais (Rede Clima) produziram uma cartilha educativa, intitulada "O futuro que queremos – economia verde, desenvolvimento sustentável e erradicação da pobreza". Voltada ao público em geral, a publicação apresenta os conceitos de economia verde e sustentabilidade e a importância da erradicação da pobreza, que são temas que serão discutidos durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (RIO+20), que será realizada de 13 a 22 de junho no Rio de Janeiro. A cartilha também traz um histórico das conferências anteriores relacionadas ao meio ambiente e o conceito de "pegada ecológica" (metodologia usada para medir os rastros deixados pelos humanos no planeta a partir de seus hábitos), além dos cenários de mudanças climáticas projetadas para o Brasil para o século 21, as atividades do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) e outros projetos e programas nessas áreas, apoiados pelo Inpe. O arquivo digital, com resolução para impressão, pode ser solicitado pelo e-mail: lmaira.morais@inpe.br. Mais informações (arquivo em PDF): www.inpe.br/noticias/arquivos/pdf/RIO+20-web.pdf

Olimpíadas de Algoritmo: inscrições abertas até 30 de junho
Coordenadores e professores de escolas de ensino médio e técnico de todo o Brasil, que tenham em sua grade curricular a disciplina algoritmo, podem fazer a inscrição da instituição pela internet para a Olimpíada de Algoritmo da Hostnet (OAH). O objetivo do evento, organizado pela empresa Hostnet, é incentivar o aprendizado e suprir as necessidades de mão de obra qualificada do mercado de tecnologia da informação (TI) no país. Os prêmios variam entre oportunidades de estágio, troféus, medalhas, notebooks, mochilas, cursos a distância, hospedagem gratuita de website e registro de domínio. Mais informações: http://www.hostnet.com.br/oah

Instituto de Aplicação da Uerj abre concurso para professor

Estão abertas as inscrições até 19 de junho para o processo seletivo de contratação de dois professores adjuntos para atuar no Departamento de Ciências da Natureza do Instituto de Aplicação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Os interessados devem possuir título de doutor em Física ou áreas afins. O concurso é composto de prova escrita, prova de aula e análise de títulos. As inscrições devem ser feitas na secretaria do instituto, localizada na rua Santa Alexandrina, 288, Rio Comprido, Rio de Janeiro. Mais informações pelo telefone (21) 2333-7873 ou
http://www.srh.uerj.br/docente/saida.asp

Icict, da Fiocruz, realiza seminário sobre comunicação em saúde no Brasil
Fomentar a discussão e socialização de pesquisas em andamento ou recentemente concluídas no campo da informação e da comunicação em saúde no Brasil. Este é o principal objetivo do seminário “Comunicação, informação e cidadania: tecendo saberes na saúde”, promovido pelo Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict) da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). O evento será realizado nos dias 14 de junho, quinta-feira, das 9h30 às 16h30, e 15 de junho, sexta-feira, das 9h30 às 12h, no Salão de Leitura Henrique Lenzi, da Biblioteca de Ciências Biomédicas, que fica no prédio do Icict, na Fiocruz (Av. Brasil, 4.365, em Manguinhos, Zona Norte). O seminário é dirigido a profissionais, pesquisadores, docentes, estudantes, gestores e ao público em geral, e contará com a presença de pesquisadores da Fiocruz, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), da Universidade Federal Fluminense (UFF), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e da Universidade de São Paulo (USP).Será dividido em três eixos temáticos que abordam a construção social da relação saúde-doença, a qualidade da informação para a tomada de decisões e as tecnologias de informação e comunicação na consolidação da cidadania. Dentro da programação estão as mesas: “O papel da biomedicina na construção social sobre saúde e doença”, “Contribuições da comunicação e da informação em saúde para a consolidação da cidadania” e “Qualidade da Informação e Informação para qualidade”. O seminário faz parte da programação da disciplina Seminários Avançados de Pesquisa I, do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Informação e Comunicação em Saúde (PPGICS) do Icict. Mais informações: (21) 3882-9063 ou (21) 3882-9033.

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes