O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Notas - Semana de 29 de março a 4 de abril de 2012
Publicado em: 29/03/2012

Notas - Semana de 29 de março a 4 de abril de 2012

Fundação dá início à cooperação internacional com a Itália

 Vinicius Zepeda

          
     Ruy Marques (E) e Renato Lauro: cooperação internacional
        entre FAPERJ e Universidade de Roma Tor Vergata
A FAPERJ e a Universidade de Roma Tor Vergata deram início, nesta quarta, 28 de março, a um convênio internacional para financiar pesquisas científicas e intercâmbio de estudantes e pesquisadores, entre a universidade italiana e as universidades, públicas e privadas, do estado do Rio de Janeiro. A proposta da Fundação é lançar uma chamada aberta a todas as instituições de ensino e pesquisa do estado que tenham interesse em desenvolver parcerias com a Tor Vergata. O custeio dos projetos será feito pelos dois lados e todas as áreas do conhecimento estarão convidadas a participar do edital. Em reunião realizada na sede da FAPERJ, o presidente da Fundação, Ruy Garcia Marques, e o reitor da universidade italiana, Renato Lauro, decidiram não estipular um valor fixo para o convênio. Ficou acordado que todas as propostas enviadas à Fundação serão analisadas e as que apresentarem relevância serão contempladas. Nos próximos dias, a FAPERJ vai enviar um modelo de convênio à comissão científica da universidade italiana para que todos os pontos sejam fixados. A Universidade de Roma Tor Vergata foi inaugurada em 1981, com o objetivo de fornecer alta qualificação a estudantes e desenvolver centros de pesquisas científicas de excelência em medicina, engenharia, economia, humanas e direito, entre outros. Localizada no sudeste de Roma, a Tor Vergata mantém mais de 100 cursos de graduação, 170 programas de pós-graduação e mestrado, 45 programas de doutorado e 193 acordos científicos e culturais com outros países. Estiveram presentes à reunião, além dos dois dirigentes,  a assessora da universidade, Marina Tesauro, o vice-reitor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Paulo Roberto Volpato Dias, e o vice-diretor da Faculdade de Ciências Médicas da mesma universidade, Marcos Junqueira do Lago, que tomará posse no dia 1. de abril, além da assessora de relações internacionais da FAPERJ, Priscilla Hadock Lobo.

Divulgação/Lattes 
     
O físico Ronald Shellard é
Cientista do Nosso Estado
Físico do CBPF presidirá maior observatório de raios cósmicos do mundo
Cientista do Nosso Estado, pesquisador do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) e vice-presidente da Sociedade Brasileira de Física (CBPF), o físico Ronald Cintra Shellard foi eleito no dia 15 de março presidente do Conselho de Observatório Pierre Auger, maior observatório de raios cósmicos do mundo. Instalado em Mendoza, na Argentina, ele consiste em 1.600 detectores espalhados por uma área de 3.0002 quilômetros quadrados, numa região plana ao lado dos Andes. Os instrumentos captam sinais provenientes de partículas vindas do espaço que colidem e se desintegram, revelando os intrincados detalhes de sua natureza. Shellard assume a presidência em um momento em que há decisões importantes a serem tomadas sobre os rumos do observatório. Como o contrato firmado originalmente entre os países previa a manutenção da instalação até 2015, havia alguma insegurança sobre seu futuro além desse período. Mas a nova gestão está comprometida com a continuidade, a partir de um ambicioso plano de atualização do complexo e da instalação de novos detectores. A escolha do físico brasileiro para a Presidência do Conselho mostra a importância do País na colaboração internacional - um fato que vem desde a concepção inicial do projeto, em 1995. Para realçá-lo, basta lembrar que o primeiro Presidente do Conselho, entre 1995 e 1997, foi Carlos Escobar, da Universidade de Campinas (Unicamp). Os países participantes do Auger são Brasil, Argentina, Austrália, República Tcheca, França, Alemanha, Bolívia, Itália, México, Holanda, Polônia, Portugal, Eslovênia, Espanha, Reino Unido, Estados Unidos e Vietnã. Mais informações:
www.cbpf.br


Hotel Copacabana Palace é palco da entrega do prêmio Faz Diferença
Em cerimônia no Hotel Copacabana Palace, a entrega do prêmio Faz Diferença, do jornal O Globo, nesta terça-feira, 27 de março, deu destaque às áreas de ciência e educação como agentes de transformação social. Em sua nona edição, o prêmio foi concedido a personalidades que, com seu trabalho, contribuíram para mudar o país durante no ano que passou. Foi o caso do neurocientista Miguel Nicolelis - eleito Personalidade do Ano, por suas pesquisas que buscam usar a força da mente para mover membros virtuais e levar pessoas com paralisia a andar. E também dos pesquisadores Stevens Rehen, professor titular do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), neurocientista que foi o destaque na área de Ciência/História, por suas pesquisas com células-tronco, em especial o projeto em que vem conseguindo reprogramar células da pele de esquizofrênicos como neurônios; a médica Denise Pires de Carvalho, na área de Saúde, atual diretora do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, pelas pesquisas em fisiologia endócrina, em particular doenças da tireóide e as formas mais eficazes de tratamento. Ambos são Cientistas do Nosso Estado, da FAPERJ. O premiado na categoria Prosa e Verso foi o professor Ítalo Moriconi, da editora da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), um dos curadores da Bienal do Livro e também bolsista da FAPERJ, por seu trabalho de divulgação da literatura e poesia contemporâneas. A cerimônia teve transmissão ao vivo pela internet. Mais informações: http://oglobo.globo.com/pais/a-festa-para-quem-fez-diferenca-no-ano-de-2011-4403570#ixzz1qFY7ZMCU

Futuro presidente da Fapac visita FAPERJ
Na segunda-feira, 26 de março, o deputado federal pelo Acre e membro da comissão Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara Federal, Sibá Machado, e o professor da Universidade Federal do Acre (Ufac), Pascoal Torres Muniz, futuro presidente da recém-criada Fundação de Amparo à Pesquisa do Acre (Fapac), foram recebidos na FAPERJ pelo presidente da Fundação, Ruy Marques, e pelo chefe de gabinete, Roberto Dória. A visita à sede da FAPERJ visava conhecer a estrutura, os programas de fomento e suas normas de funcionamento. De acordo com Pascoal Muniz, o desafio da Fapac é apoiar o desenvolvimento científico e tecnológico, em articulação com as instituições públicas de ensino superior sediadas no Acre, como Ufac, Ifac e Embrapa, e também com as entidades particulares que atuam no setor. Outro aspecto que deverá ser fomentado pela nova fundação é o desenvolvimento de um ensino médio tecnológico que estimule a formação de futuros pesquisadores. “Considerando o ambiente particular da Amazônia, queremos estimular alunos e pesquisadores do Acre a buscarem recursos para conhecer as possibilidades que a floresta oferece”, declarou.

Divulgação de projetos será novo critério de avaliação da produção científica
O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) vai acrescentar, na plataforma eletrônica Lattes, que traz currículos e atividades de 1,8 milhão de pesquisadores de todo o país, duas novas abas para divulgação pública. Em uma delas, os cientistas brasileiros informarão sobre a inovação de seus projetos e pesquisas; e na outra, deverão descrever iniciativas de divulgação e de educação científica. Com a mudança, cientistas de todos os campos de investigação deverão descrever, na Plataforma Lattes, dados sobre a organização de feira de ciências, promoção de palestras em escolas, artigos e entrevistas concedidas à imprensa. A intenção do CNPq é aumentar o conhecimento da sociedade sobre as atividades científicas que ocorrem no país. A mudança na Plataforma Lattes poderá ocorrer em até dois meses. O modelo e a funcionalidade das abas já estão formatados e respeitarão as regras de transparência de informações públicas. Os novos dados informados serão considerados pelos 48 comitês de avaliação do CNPq quando forem aprovar projetos de pesquisa e conceder bolsas de estudo a professores e estudantes universitários. O conselho terá indicadores para avaliação dos trabalhos científicos em quesitos de inovação e de produção em divulgação científica, como ocorre hoje com a cobrança de publicação de artigos científicos, os papers, em revistas especializadas, inclusive do exterior. Mais informações: www.cnpq.br

Laboratório da UFRJ desenvolve modelo pioneiro

Um pioneiro sistema de nowcasting, modelo de previsão de tempo que elabora prognósticos de curtíssimo prazo (de dezenas de minutos a três horas) para áreas específicas, como aeroportos, redes de distribuição e linhas de transmissão de energia, está sendo desenvolvido pelo Laboratório de Meteorologia Aplicada (LMA), do Instituto de Geociências (Igeo) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Coordenado pelo professor Gutemberg Borges França e pelos pesquisadores Manoel Valdonel e Francisco Albuquerque, o know how do laboratório, único no Brasil, vem sendo empregado no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, para previsão de nevoeiros e outros incidentes climáticos que possam prejudicar o tráfego aéreo e o planejamento aeroportuário. Com respostas mais rápidas, o nowcasting desenvolvido pelo LMA chega a 90% de índice de acerto e tem outras aplicações, como sistemas de distribuição de energia, previsão de catástrofes pela Defesa Civil, prevenção de acidentes e minimização de prejuízos com eventos climáticos. Mais informações: http://www.ufrj.br

Inscrições para envio de resumo para 64 Reunião Anual da SBPC até 2 de abril
Interessados em submeter resumos de trabalhos para a 64 Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) podem fazer suas inscrições até o dia 2 de abril. E até o dia 9 de abril, os inscritos terão prazo para enviar o resumo para análise. A próxima SBPC acontecerá na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), em São Luís, Maranhão, de 22 a 27 de julho. Podem ser inscritos resumos de trabalhos científicos, de qualquer área do conhecimento; e trabalhos de professores de educação básica ou técnica que versem sobre experiências ou práticas de ensino-aprendizagem. A expectativa é que sejam apresentados mais de dois mil trabalhos, em suas cinco sessões de pôsteres. O parecer da análise dos trabalhos inscritos será divulgada até 17 de maio. A partir de 31 de maio, os autores deverão consultar no site do evento a data de apresentação dos pôsteres. Mais informações: http://www.sbpcnet.org.br/saoluis/home

Projeto da UniRio criará rede social voltada para empreendedores do Carnaval
Uma reunião realizada nesta quarta-feira, 28 de março na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio) marcou o início da parceria da universidade com a Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa), a Liga das Escolas de Samba do Grupo de Acesso a (Lesga), a Associação das Escolas de Samba da Cidade do Rio de Janeiro (AesRJ), a Federação dos Blocos Carnavalescos do Estado do Rio de Janeiro(FBCERJ) e a Associação das Mulheres Empreendedoras do Brasil (Amebras) para a criação do Portal do Carnaval. Além de servir como fonte de consulta e troca de informações entre os empreendedores e prestadores de serviços do Carnaval, o Portal pretende integrar cerca de dez mil profissionais, mil instituições culturais e 500 empresas que atuam em negócios criativos. A ideia é manter, de forma colaborativa, um banco de oportunidades que poderá atender a outras festas populares e mega eventos no estado do Rio de Janeiro que acontecerão até 2016. Ao longo do ano, também estão previstas a capacitação de 450 empreendedores para utilizar o portal e a realização de reuniões com dirigentes de instituições carnavalescas para propor políticas públicas na área. Mais informações: www.unirio.br 

Workshop promove cooperação em pesquisas agrícolas entre Brasil e Reino Unido  
Pesquisadores britânicos e brasileiros estarão reunidos no workshop Ferramentas para cooperação internacional em pesquisa na área de agricultura, que será realizado entre os dias 2 e 5 de abril, no Hotel Mercure Pinheiros, em São Paulo. A iniciativa é do British Council, com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). O encontro será o primeiro de uma série de quatro workshops que acontecerão ao longo de 2012, voltados para pesquisadores brasileiros e britânicos. O programa vai discutir temas como cooperação intercultural para a colaboração acadêmica; gestão de projetos sustentáveis; e técnicas para a obtenção de fontes de financiamento externas. Também vai discutir o desenvolvimento de habilidades estratégicas para a colaboração internacional, como a negociação de projetos, formação de redes internacionais e suporte à sustentabilidade do projeto. O workshop será ministrado pelos pesquisadores Caron King e Chris Hopkins. Caron é cientista por formação e trabalha na área de gerenciamento de projetos em petróleo e gás, farmácia, comércio, educação, transporte e logística, varejo e serviços. Chris é físico e grande parte de sua carreira foi voltada para o desenvolvimento de pesquisa no setor privado no Reino Unido e no exterior. Ele é consultor na empresa Mindset Method, especializada em treinamento e mentoria. O evento contará com a participação de 32 pesquisadores brasileiros e britânicos de um total de 24 instituições, que incluem as Universidades de Oxford, Bristol, York, Reading, entre outras no Reino Unido, além da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), da Universidade de São Paulo (USP), entre outras no Brasil. Mais informações: http://www.britishcouncil.org.br

Instituição francesa oferece bolsas na área de gestão 
A Bordeaux Management School (BEM) oferece bolsas no valor de quatro mil euros para estudantes estrangeiros candidatos aos programas de mestrado da instituição. As inscrições poderão ser feitas até o dia 31 de maio. A BEM é a segunda maior escola do interior da França nas áreas de gestão e comércio. Para se candidatar, é preciso enviar ao programa de mestrado de interesse o dossiê contendo os documentos informados no site da instituição. A própria escola encaminhará o dossiê do estudante aprovado ao comitê de bolsas. Assim, não é necessário enviar documentos para o comitê separadamente. Os critérios de seleção são: o mérito do candidato, baseado em sólida formação acadêmica; excelente média ponderada; excelente nota no Graduate Management Admission Test (teste em língua inglesa que permite medir as competências relevantes para o estudo de gestão) ou no Graduate Record Examinations (teste de admissão em inglês para programas de negócios e pós-graduação ); e ser aprovado em um dos programas de mestrado da BEM. Mais informações: http://www.bem.edu

Índia será o primeiro emergente a aderir ao Ciência sem Fronteiras
A parceria entre o Brasil e Índia no âmbito do programa Ciência sem Fronteiras deve ser firmada ainda nesta semana durante a quarta reunião dos chefes de Estado dos Brics, bloco de países emergentes formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, que ocorre na capital indiana, Nova Délhi. O país asiático será o primeiro a aderir ao programa de intercâmbio de pesquisadores. “Já aprofundamos as discussões e já identificamos as instituições que deverão participar do programa, que estão nas cidades de Nova Délhi, Mumbai e Bangalore”, informou a subsecretária geral de Política do Itamaraty, a embaixadora Maria Edileuza Fontenele Reis. Ainda não está definido o número de estudantes que devem participar do programa com a Índia, mas os bolsistas serão selecionados para estudar em centros de ensino voltados às áreas de ciência e tecnologia, engenharia genética, ciências e tecnologia aeroespacial. Durante o encontro, os dois países também devem assinar acordos nas áreas de meio ambiente, cultura, relações consulares, promoção da igualdade de gênero e tecnologia e inovação. Mais informações: http://www.cienciasemfronteiras.gov.br/web/csf

Chamada destina R$ 20 milhões para o apoio a eventos científicos
O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) liberou, na segunda-feira, 26 de março, o edital de Apoio à Realização de Eventos (ARC). No total, serão aplicados R$ 20 milhões, sendo R$ 15 milhões provenientes do CNPq e o restante da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). Serão contempladas as propostas que prevêem a realização de congressos, simpósios, workshops, seminários, ciclos de conferências e outros eventos similares relacionados necessariamente à ciência, tecnologia e inovação (CT&I). A chamada estipula ainda que os eventos a serem apoiados devem ser realizados de 1 de julho de 2012 e 31 de dezembro de 2014. O cronograma para o envio de propostas varia de acordo com a data de realização do evento. O pedido de apoio para congressos e similares a serem realizados no segundo semestre de 2012 deve ser enviado até o dia 30 de abril. Podem participar pesquisadores, professores e especialistas com vínculo formal com instituições de ensino superior (IES), institutos de pesquisa e dirigentes de associações científicas e tecnológicas. O cronograma completo de envio de propostas e o regulamento estão disponíveis no site do CNPq. Mais informações: http://www.cnpq.br/editais/ct/2012/006.htm  

Abipti seleciona trabalhos para congresso a ser realizado em agosto
A Associação
Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação (Abipti) seleciona trabalhos de pesquisadores, gestores e empresários do setor de ciência, tecnologia e inovação para apresentação no Congresso Abipti 2012, que será realizado em agosto, em Brasília), com o tema Tecnologia para um Brasil inovador e competitivo. As propostas podem ser enviadas até o dia 31 de março. Serão selecionadas propostas que versem sobre os quatro subtemas do evento: a contribuição das Entidades de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação Tecnológica (EPDIs) para um Brasil inovador e competitivo; modelos de organização e gestão das EPDIs; projetos inovadores das EPDIs; e contribuição das EPDIs na capacitação de recursos humanos. As propostas poderão ser apresentadas nos formatos de trabalhos resultantes de monografias, dissertações e teses, assim como no modelo de relatos de experiências ou projetos executados. A Abipti premiará o melhor trabalho com R$ 2 mil, valor a ser revertido em cursos e descontos em eventos e publicações da associação, além de um certificado. O Congresso Abipti 2012 será realizado de 14 a 16 de agosto, no San Marco Hotel. A programação conta com palestras, conferências, entre outras atividades, que abordarão, por exemplo, os desafios das EPDIs públicas e privadas; necessidades e potencialidades das EPDIs para a inovação; aprimoramento do marco legal para a inovação; e os desafios para a inovação no Brasil. O edital está disponível no site da Abipti. Mais informações: www.abipti.org.br/congresso2012

Documentário debate suicídio sob a ótica da saúde pública
Um vídeo de 22 minutos voltado para orientar profissionais de saúde e população em geral sob questão do suicídio sob a ótica da saúde pública com dados epidemiológicos, percepção social e formas de enfrentamento através de depoimentos de especialistas e populares, está disponível para ser baixado gratuitamente na internet. Dirigido por Eduardo Thiellen, "Suicídio no Brasil" é uma parceria entre a VideoSaúde Distribuidora da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e o Grupo de Pesquisa de Prevenção do Suicídio, do Laboratório de Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Licts), também da Fiocruz. O material pode ser baixado acessando o link http://vimeo.com/36487179. Cópias também podem ser obtidas na VídeoSaúde (Avenida Brasil, 4036, salas 512/516, Manguinhos, RJ, Rio de Janeiro) por pesquisadores interessados. Mais informações: (21) 2290-4745/ 3882-9109/ 3882-9147 ou pelo e-mail videosaude@icit.fiocruz.br 

Debate sobre miséria e inclusão marca a abertura do ano letivo do Icict
O Programa de Pós-graduação em Informação e Comunicação em Saúde (PPGICS), do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), abre o ano letivo nesta sexta-feira, 30 de março, às 13h30, com o seminário "Brasil sem miséria: inclusão social pelas tecnologias de informação e comunicação". O evento será precedido da exibição de dois vídeos produzidos por moradores de Manguinhos para o curso de Saúde Comunitária do Laboratório Internet, Saúde e Sociedade (Laiss). O evento terá a participação do secretário Tiago Falcão, da Secretaria Extraordinária para Superação da Extrema Pobreza - Sesep/Ministério do Desenvolvimento Social e Combate  à Fome; de Henrique Antoun, pesquisador e professor do Programa de Pós-graduação em Comunicação e Cultura da Escola de Comunicação (ECO), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); de Simone da Silva Quintella, representante dos alunos do Projeto Laiss; e de André Pereira Neto, coordenador do Laboratório Internet e Sociedade (LAISS), do CSEGSF/Ensp, e professor do PPGICS/Icict. O evento será realizado no Salão de Leitura Henrique Leonel Lenzi da Biblioteca de Ciências Biomédicas, campus da Fiocruz, na Av. Brasil, 4.365, em Manguinhos. Mais informações: http://www.fiocruz.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?UserActiveTemplate=template%5Ffiocruz&tpl=home

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes