O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Fundação anuncia resultados de CNE e JCNE
Publicado em: 16/08/2012

Fundação anuncia resultados de CNE e JCNE

Conforme previsto no cronograma, a FAPERJ divulga nesta quinta-feira, 16 de agosto, os resultados da edição 2012 dos dois programas mais concorridos da Fundação: Cientista do Nosso Estado (CNE) e Jovem Cientista do Nosso Estado (JCNE). Juntos, os editais estão concedendo 278 bolsas para novos projetos, somando recursos de pouco mais de R$ 21 milhões.

Também denominados como bolsas de bancada para projetos (BBPs), os dois programas se destinam a financiar, durante 36 meses, o desenvolvimento de projetos coordenados de pesquisadores com vínculo empregatício em instituições de ensino e pesquisa sediadas no estado do Rio de Janeiro.

No caso do Jovem Cientista do Nosso Estado, serão 133 bolsas para pesquisadores de 26 instituições de ensino e pesquisa fluminenses. São elas: a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com 35 beneficiados; a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), com 18; a Universidade Federal Fluminense (UFF), com 17; a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), com 11; a Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), com 9; a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), com 8; a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), com 6; a Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio), com 5; o Instituto de Matemática e Aplicada (Impa), com 3; o Instituto Nacional do Câncer (Inca), também com 3; e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e o Instituto de Engenharia Nuclear (IEN), ambos com 2 agraciados.

Foram ainda contemplados com uma bolsa, cada, pelo edital JCNE, as seguintes instituições: o Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet); a Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen); o Centro Tecnológico do Exército (CTEX); a Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias (Embrapa); o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRJ); o Instituto Militar de Engenharia (IME); o Museu de Astronomia e Ciências Afins (Mast); a Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro (PCERJ); a Universidade Católica de Petrópolis (UCP); a Universidade Estácio de Sá (Unesa); a Universidade do Grande Rio (Unigranrio); o Centro Universitário Augusto Motta (Unisuam); a Universidade Severino Sombra (USS); e a Universidade Veiga de Almeida (UVA). 

O Jovem Cientista do Nosso Estado conta com um orçamento de R$ 9.072 milhões, que serão destinados a bolsas no valor mensal de R$ 2.100. Os candidatos ao JCNE devem ter grau de doutor, obtido há menos de dez anos, boa produção científica e histórico de formação de recursos humanos. O proponente também deve contar com pelo menos uma orientação de mestrado ou doutorado concluída, não sendo consideradas coorientações ou orientações em andamento, e uma orientação de mestrado ou doutorado em andamento, não sendo consideradas coorientações. É necessário ainda que o proponente tenha obtido financiamento de agências de fomento nacionais, estaduais ou internacionais, pró-reitorias, fundações e empresas públicas ou privadas. Durante os anos de vigência da bolsa de bancada, os pesquisadores contemplados devem desenvolver pelo menos três atividades científicas/tecnológicas (palestra, curso, exposição etc.) em escolas públicas (níveis fundamental ou médio) fluminenses. Os proponentes também não poderão ter solicitado outro auxílio, com idêntica finalidade, da Fundação, como o Auxílio à Pesquisa (APQ 1).

Com pouco mais de R$ 12 milhões, o programa Cientista do Nosso Estado (CNE) financiará 145 novos projetos contemplados nesta edição. Entre as 15 instituições contempladas, a que mais aprovou projetos no edital Cientista do Nosso Estado (CNE) foi a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com 75 propostas, seguida pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, com 22, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), com 13; a Pontifícia Universidade Católica (PUC-Rio), com nove; a Universidade Federal Fluminense (UFF), com seis. A Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf) e a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), tiveram ambas quatro projetos beneficiados; o Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa) aprovou três; enquanto o Instituto Nacional do Câncer (Inca), e o Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC) aprovaram, cada, duas propostas. Também tiveram projetos beneficiados o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a Fundação Getúlio Vargas (FGV) o Instituto Militar de Engenharia (IME) e a Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio).

Cada um desses projetos é coordenado por pesquisadores de reconhecida liderança em sua área de atuação, com grau de doutor e produção científica de qualidade, compatível com o nível de pesquisador 1 do CNPq, especialmente nos últimos cinco anos, fará jus a bolsas no valor mensal de R$ 2.800. Entre os pré-requisitos do programa, também é preciso que o proponente tenha ao menos uma orientação de doutorado concluída, não sendo consideradas, co-orientações ou orientações em andamento, e uma orientação de doutorado em andamento, não sendo consideradas co-orientações.

Da mesma forma que no edital Jovem Cientista do Nosso Estado, o proponente precisa já ter obtido financiamento a pesquisas por meio de agências de fomento nacionais, estaduais ou internacionais, pró-reitorias, fundações e empresas públicas ou privadas. Outra exigência do programa é para que os pesquisadores contemplados desenvolvam, em cada um dos anos de vigência de suas bolsas, pelo menos uma atividade científica/tecnológica (palestra, curso, exposição etc.) em escolas públicas fluminenses.

Confira a listagem completa dos contemplados no programa Cientista do Nosso Estado 

Confira a listagem completa dos contemplados no programa Jovem Cientista do Nosso Estado 

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes