O seu browser não suporta Javascript!
Você está em: Página Inicial > Comunicação > Arquivo de Notícias > Edital de Apoio às Engenharias contempla 31 novos projetos
Publicado em: 05/05/2011

Edital de Apoio às Engenharias contempla 31 novos projetos

Trinta e um projetos foram contemplados no edital de Apoio às Engenharias. Seguindo o cronograma, a divulgação dos resultados foi feita nesta quinta-feira, 5 de maio, pela diretoria da Fundação. Duas instituições – a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) – tiveram o maior número de propostas aprovadas, seis, seguindo-se a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), com quatro, o Instituto Militar de Engenharia (IME) e a Universidade Federal Fluminense (UFF), ambas com três, e a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), com dois. O Centro Federal de Educação Tecnológica de Campos (Cefet-Campos), o Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), a Universidade Católica de Petrópolis (UCP), a Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), a Universidade Severino Sombra (USS), o Centro Universitário de Volta Redonda (UniFoa) e a Universidade Veiga de Almeida (UVA) tiveram um projeto beneficiado cada.

Voltado a estimular projetos que aperfeiçoem e ampliem a formação de engenheiros nas diversas áreas – aeroespacial, agronômica, de alimentos, de ambiente, biomédica, cartográfica, civil, computacional, de controle e automação, econômica, energética, geotécnica, hidráulica, hídrica, elétrica, eletrônica, de materiais, mecânica, mecatrônica, metalúrgica, meteorológica, de minerais, naval, nuclear, oceânica, petróleo e gás, de produção, química, sanitária, de telecomunicações, de transportes e outras –, o edital visa contribuir para a criação, o fortalecimento e a ampliação de programas de pós-graduação stricto sensu em instituições de ensino públicas ou particulares fluminenses das áreas das engenharias, assim como promover a recuperação da infraestrutura das áreas de engenharia dessas instituições.

Divididas em duas faixas dependendo do valor solicitado – faixa A: entre R$ 150.001 e R$ 300.000, com um mínimo de quatro pesquisadores doutores; e B: propostas até R$ 150.000, com um mínimo de dois pesquisadores doutores – as propostas contempladas dividirão um total de recursos de R$ 4 milhões, que serão repassados em duas parcelas. Esses recursos poderão custear despesas de capital, como a aquisição de materiais permanentes e equipamentos; e despesas de custeio, como serviços de terceiros (pessoas físicas e jurídicas) com caráter eventual para a manutenção de equipamentos e material permanente, para a realização de pequenos reparos e adaptações de bens imóveis, e para trazer pesquisadores altamente qualificados para atuação nos programas de pós-graduação (até o máximo de 25% do montante solicitado em despesas de custeio); diárias e passagens, até o limite de 10% do montante solicitado em despesas de custeio (desde que compreendam despesas necessárias para o desenvolvimento do projeto de pesquisa); não serão permitidas diárias e passagens para participação em reuniões científicas; serviços de pequenos  reparos e adaptações de bens imóveis necessários ao adequado funcionamento de equipamentos constantes nas propostas. (até 30% do montante solicitado em despesas de custeio); material de consumo, componentes e/ou peças de reposição de equipamentos; despesas de importação (até o limite máximo de 18% do valor do bem importado). O prazo estipulado para a execução do projeto é de até 24 meses.

Confira a listagem completa do resultado do edital Apoio às Engenharias

 

 

Compartilhar: Compartilhar no FaceBook Tweetar Email
  FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
Av. Erasmo Braga 118 - 6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20.020-000 - Tel: (21) 2333-2000 - Fax: (21) 2332-6611

Página Inicial | Mapa do site | Central de Atendimento | Créditos | Dúvidas frequentes